Chá de Bebê Online
Roupinhas para bebês
Lista de Presentes Online
Atividades de 0 a 1 ano

Primeira coisa que você precisa saber é que quando nasce um bebê nasce também uma mãe.

Última atualização em por

Você está grávida e muitas dúvidas surgem na sua cabeça! Separei 20 coisas que toda mãe de primeira viagem precisa saber. É bom estar preparada para as novidades e mudanças que vão acontecer na sua vida! Sua vida vai mudar mas suas prioridades também! E com certeza você vai ver que vale a pena!

1

Sua vida vai mudar muito.

6

Começando com essa que todo mundo sabe mais vale a pena lembrar. As coisas vão mudar, sua vida mudará da noite para o dia. Sabe aquele banho gostoso e demorado, com tempo para lavar o cabelo e fazer uma hidratação tranquila no banho? Já era... Sabe o tempo para ler, assistir tv, dormir bastante, usar o banheiro (sem companhia)? Serão momentos raros. Lógico que não que será assim para sempre, os bebês crescem e conforme isso for acontecendo as coisas vão ficando um pouco mais fáceis. Tudo passa.

2

Você vai saber cuidar do seu bebê

4

Você vai saber dar banho, cuidar do umbigo, trocar fralda. Com o tempo vai identificar os choros do bebê, vai aprender a amamentar. Vai dormir pouco a noite mas vai levantar no outro dia sabendo que tem uma vida que depende de você e isso vai te dar força para superar as noites mal dormidas.

3

Os primeiros meses são os mais difíceis.

1

Além das cólicas, você tem que se acostumar com ter um bebê em casa, com a nova rotina criada com a chegada dele. Vai ter que se acostumar que os bebês choram, é assim que eles se expressam, pode ser fome, fralda molhada, sono, dor, tédio ou apenas quer um colinho ,um cheirinho da mamãe.

 

4

Amamentar não é fácil.

4

Para a grande maioria das novas mamães amamentar não é fácil. Machuca, dói, o bebê não pega direito, o bebê não mama o suficiente, o leite fica empedrado, enfim... para a maioria das pessoas não é fácil, mas você aprenderá, conte a ajuda de mães mais experientes e também de serviços de consultoras de amamentação.

5

Você vai enfrentar os palpiteiros de plantão

2

Toda a família (e até desconhecidos) vão querer ficar dando palpites, não dê ouvidos, o bebê é seu, você decide como cuidar dele. Mas isso não quer dizer que você não possa pedir ajuda quando achar necessário, mas é que as pessoas gostam de palpitar mesmo quando você tem certeza que está fazendo certo. Você pode começar a postar algumas indiretas nas suas redes sociais, tipo “Não de palpites, dê fraldas” e quem sabe também regras de etiquetas para visitar um recém nascido, pois tem pessoas sem noção né?

6

Bebês acordam de madrugada para mamar e isso é muito cansativo.

3

Pois é, eles acordam, de hora em hora, de duas em duas, de três em três e assim vai. Mas com o tempo, devagarinho conforme vão crescendo eles vão aumentando o tempo entre uma mamada e outra na madrugada. Vai chegar o dia em que seu bebê não vai mais mamar na madrugada e vai apenas dormir! E enfim chegará o dia de você dormir uma noite inteira novamente!!!

7

Tenha rotina com o seu bebê.

3

Hora de acordar, de dormir, de mamar, de brincar, do banho... lógico que no começo o bebê vai mamar muito, mas devagarinho você vai se acostumando com os horários de mamar do seu bebê e conseguirá criar uma rotina. E conforme ele vai crescendo as coisas vão ficando melhores.

 

8

Você precisa dormir quando o bebê dormir.

2

Depois de conseguir dormir para conseguir renovar as energias você precisa cuidar de você, faça as unhas, penteie o cabelo, troque de roupa, tome banho, use maquiagem, nada de ficar andando de pijama pela casa com cara de zumbi. 

9

Você pode e deve sair para passear.

1

As saídas só com o marido e amigos não serão tão frequentes como antes, também não serão sem hora para voltar para casa. Mas é importante sair para passear, conversar com adultos, fazer um programinha que não envolva os bebês. Dica, contrate uma babá para a noite ou peça ajuda para os avós ficarem com o bebê a noite enquanto ele está dormindo tranquilamente e você pode dar uma saída, mesmo que curta.

10

Você conhecerá novas pessoas.

1

E serão pessoas com filhos. Principalmente na pracinha onde você vai levar seu bebê, mães desconhecidas conversam com outras mães desconhecidas, se tornam conhecidas e quem sabe até amigas. Sim, isso mesmo, você acabará fazendo novas amizades (com pessoas com filhos, só para lembrar).

Confira também: O que muda com a chegada do bebê?

11

Você vai conversar muito sobre maternidade.

3

Tipo muuuuuuuuuito. Vai falar sobre a fase em que ele está, as coisinhas fofas que ele está fazendo como sorrir, descobrir a mão, descobrir o pé, se olhar no espelho, enfim... você vai falar muito sobre maternidade principalmente com outras mães que vão estar falando muito sobre isso também. Conversar MUITO sobre os filhos faz parte de ser mãe.

12

Seu corpo pode demorar um pouco a voltar o que era antes.

1

Então não pire.

Para a grande maioria das mulheres normais desse mundo, as coisas não funcionam como funcionam para as celebridades que já saem da maternidade com seu corpitcho em forma. Não não não, para nós a coisa é mais difícil. Leva um certo tempo para o corpo voltar ao que era antes (ou pelo menos perto do que era antes). 

 

13

Deixe seu marido participar e incentive-o a cuidar do bebê.

6

Ele não vai fazer as coisas igual você. E nem precisa, vocês são pessoas diferentes e podem cuidar do bebê cada um do seu jeito. Mas é importante que ambos participem, afinal é filho dos dois e assim o bebê também cria vínculo com o pai e libera a mãe um pouquinho para respirar. 

Confira também:

14

Passeie com o seu bebê.

2

Ficar em casa "trancada" é de enlouquecer! Em algum momento é bem provável que você quase pire, mas fique calma, fale com seu médico e isso passa logo. Por isso saia para a rua, leve seu bebê para passear, coloco ele no carrinho ou no sling e vá pegar um sol, vá na feira, na praça, dar uma volta na rua, enfim, qualquer coisa, mas saia de casa com a criança, vá respirar ar fresco, ver gente e renovar as energias.

 

15

Não saia comprando tudo o que vê.

3

Não precisa comprar tudo que as lojas querem vender quando você vai ter um bebê, pesquise bastante em blogs e com as amigas que já tiveram filhos, e compre só o que é realmente necessário.

Aproveite e confira: Lista de Enxoval Completa

16

Faça o curso de gestante com o seu marido.

1

É ótimo para o casal aprender juntos os cuidados com o bebê, ali vocês vão aprender coisas sobre o trabalho de parto, sobre os primeiros cuidados o recém-nascido, como cuidar do umbigo do bebê, como dar banho e muito mais. E assim não tem desculpa para o pai não ajudar com os cuidados.

17

Você precisa cuidar do seu marido também.

1

Sei que as vezes parece difícil por causa do cansaço, mas tenham momentos só para vocês dois, um jantarzinho romântico para conversarem assuntos que não seja bebê, assistirem um filme (mesmo que com pausa para mamadas). Afinal vocês dois juntos fizeram esse bebê lindo.

18

Quando você se sentir levemente segura.

3

(pois totalmente vai demorar um pouco) deixe o bebê com os avós, entre uma mamada e outra, e vá dar uma volta com seu marido. Eles sabem cuidar de bebês, já cuidaram dos filhos, agora é a vez de curtirem os netos. 

 

19

Não guarde as roupinhas mais bonitas para usar em ocasiões especiais.

2

Bebês crescem muito rápido e você pode acabar nem usando várias algumas roupinhas. Portando use todas as roupinhas e tire fotos para ficar registrado.

20

Bebês choram.

5

Mas quando sorriem você esquece tudo! 

All 20 questions completed!


Share results:

Primeira coisa que você precisa saber é que quando nasce um bebê nasce também uma mãe.

Want more stuff like this?

Get the best viral stories straight into your inbox!
Don`t worry, we don`t spam

Você também pode gostar

Comente com o Facebook

comentários