Papel de parede: Um comparativo TOP para quem quer decorar!

Mudar é preciso! Se você está montando o quarto do bebê ou redecorando qualquer outro cômodo da casa, uma forma de mudar o ambiente é trocar a cor ou textura das paredes.

Para isso, existem muitos recursos, como o papel de parede, a pintura, adesivos, texturas e o que mais a sua criatividade e bom gosto permitirem. Mas como escolher entre todas as opções?

Fiz um comparativo entre algumas opções, e você pode escolher considerando suas vantagens e especifidades. Primeiro, algumas lindezas de papel de parede para deixar você de queixo caído!

O papel de parede certo para você!

Já deu para entender que com o papel de parede você pode ser mais extravagante, não é mesmo? Mas claro que isso não é a regra geral, existem papéis de parede lisos maravilhosos.

O papel de parede nos prova que não precisamos nos limitar. Por exemplo, algumas ainda podem pensar que as cores escuras nos quartos não favorecem. Mas o que dizer desse floral com fundo preto? E o poá? Ele pode ser aplicado tanto na sala quanto no quarto.

A grande questão é, quando você vai escolher um papel de parede, seja na loja física ou online, você não consegue imaginar como um papel de parede como este azul que parece penas de faisão vai ficar na sua parede, mas se você der uma olhada na foto seguinte, morrerá de amores! Então, é preciso escolher sem preconceitos.

A pintura certa para você!

A pintura também é super democrática. Além das aplicações lisas e de apenas uma cor, é possível inovar em cores e efeitos das formas mais diferentes possíveis.

A pintura também favorece os demais itens de decoração e iluminação!

Aplicações certas para você

Aplicações também tem uma diversidade enorme! Você pode revelar os tijolos da construção da sua casa, aplicar madeiras de demolição ou simplesmente adotar um painel colorido ou adesivar a parede com temas de interesse dos moradores, como este do Mapa Mundi com as fotos.

Mas dentro de todos esses grupos maravilhosos, o que escolher? É preciso pensar nas vantagens e desvantagens de cada uma em relação a rotina e moradores da casa. Meu sonho é este quarto offwhite, com um espelho enorme, aplicação de tecido acolchoado na cabeceira da cama, tapete claro, enxoval claro, móveis claros e tudo mais claro! É maravilhoso, mas eu teria que proibir meus filhos de entrar no meu quarto, então não rola.

Comparativo: Papel de parede x Pintura x Aplicações

Como aplicar

  • Papel de parede: Em geral são fáceis de aplicar, vem com instruções, mas exigem um pouco de cuidado, principalmente aqueles com desenhos.  Se a parede estiver pintada e alinhada, não exige preparação, mas um profissional poderá fazer essa avaliação melhor. A cola usada normalmente não tem cheiro e é atóxica.
  • Pintura: Em geral são fáceis de aplicar, mas dá trabalho, antes, durante e depois da aplicação, pois é preciso arrastar os móveis, forrar e depois limpar a sujeira. O cheiro pode incomodar um pouco, mesmo aquelas “sem cheiro”.
  • Aplicações: Os adesivos são simples de aplicar, mas os painéis e paredes de tijolos ou madeira são mais complicados e exigem um profissional.

Preço

  • Papel de parede: Varia conforme fabricante, origem (nacional ou importado) e material. Mas os preços em geral, são acessíveis.
  • Pintura: Varia conforme fabricante e especifidade. São mais baratos em relação ao papel de parede.
  • Aplicações:Os adesivos são as opções mais baratas para mudar o ambiente, as paredes especiais são as mais caras.

Conservação

  • Papel de parede: Pode durar muitos anos dependendo da qualidade do papel e a forma que foi aplicado. Para limpar, apenas pano úmido.
  • Pintura: Dura bastante tempo, mas com o tempo algumas rachaduras podem surgir, além de sujeiras impossíveis de serem limpas. Se foram de cores únicas e claras, limpar com pano ou esponja e pouca água.
  • Aplicações: Depende da superfície, é preciso verificar com o fabricante ou profissional que fez a aplicação.

Principal vantagem e desvantagem

  • Papel de parede: A principal vantagem é que ele pode ser removido com facilidade, mesmo o mais colorido de todos. A desvantagem é que não é possível reparar apenas “um pedaço” pequeno se rasgar no meio, é preciso trocar toda a parte.
  • Pintura: É a opção mais comum e fácil de encontrar no mercado, mas faz muita sujeira para aplicar.
  • Aplicações: São alternativas diferentes do usual, mas são mais caras.

Considerando essas e outras características, é só se jogar na reforma. É muito bom mudar, e tem várias opções que você pode fazer sozinha, como os stencils para pintar a parede! Se você está buscando inspirações para o quarto do bebê, dê uma olhada nestas 4 dicas arrasadoras que vão te ajudar bastante!

 

Quer mais informações sobre universo materno?

Mandamos conteúdos exclusivos sobre educação infantil, chá de bebê, enxoval, e muito mais!

Comente com o Facebook

comentários