Sintomas da gravidez, mudanças e outras informações

Os sintomas da gravidez variam bastante de mulher para mulher, separei alguns mais comuns e também algumas informações sobre as mudanças na mulher na primeira e na segunda metade da gravidez.

Começando pelos sintomas da gravidez:

  • Primeiro sintoma é o atraso menstrual, outros sinais comuns são enjoo, alterações digestivas, como azia e queimação, aumento da salivação e do apetite, o aumento do sono e fazer mais xixi (no meu caso muito sono e muito xixi).

Sintomas da gravidez:

  • Enjoo:

É um sintoma frequente, mas não quer dizer obrigatório, algumas grávidas sentem muito enjoo, outra bem pouco como no meu caso quando eu estava grávida.

Se a mulher sente muito enjoo o médico pode passar algum remédio para ajudar. Para algumas grávidas alimentos gelados, como picolés de frutas ácidas, trazem algum alívio. Para mim era qualquer picolé.

Uma dica é comer pequenas porções de alimentos em intervalos regulares do que comer muito em poucas refeições durante o dia.

  • Hidratação:

Se a mulher sente muito enjoo é melhor optar por outros líquidos ao invés de água, tome suco, leite, iogurte, sopas, frutas e outros alimentos ricos em água.

  • Apetite:

Sobre os famosos desejos de grávidas por alimentos específicos são um sintoma comum na gravidez, eu não tive esses desejos, o que tive foi uma troca das minhas preferências, eu sempre fui mais do doce que do salgado e na gravidez preferi comer muito mais salgado do que doces.

  • Como calcular o tempo da gravidez?

Uma gestação dura em média 40 semanas, os médicos costumam contá-la a partir do primeiro dia da última menstruação.

Dica, se você está planejando engravidar vá anotando as datas da sua menstruação.

Para calcular pegue o dia da sua menstruação e some 7.  Exemplo 1 de outubro + 7 = 8

Depois subtraia 3 do número referente ao mês.  Exemplo 10 – 3 = 7

Isso quer dizer que a criança poderá nascer em torno de 8 de julho.

Mas caso de você não lembrar a data da última menstruação, como eu, você fará um ultrassom que medirá o bebê e assim pelo tamanho o médico dirá a idade gestacional.

  • Sobre o sexo do bebê

Para descobrir o sexo do bebê você deve aguardar até a 16a semana para fazer uma ultrassonografia e torcer para que o bebê colabore e você consiga ver se é menino ou menina. Eu fiquei muito ansiosa nessa fase, não queria comprar nada até saber o sexo do bebê, já pelo meu marido dava para comprar tudo unisex que ele estava feliz (homens!)

Para quem tem muita ansiedade existe um exame de sangue que diz que acerta 99% dos casos e pode ser feito a partir da 8a semana, eu esperei para fazer a ultrassonografia então não sei se o exame acerta mesmo ou não.

O nome do exame é sexagem fetal e não tenho ideia de quanto custa também.

sintomas-da-gravidez-hormonios

As mudanças na primeira metade da gravidez

Para começar os seios da mulher começam a aumentar, para se prepararem para produzir leite diariamente para o bebê. Então os seios praticamente dobrarão de tamanho nos três primeiros meses de gravidez. Pode acontecer da gestante ter um pouco de dor nesse período.

Já as alterações na pele são que ela fica mais hidratada, podendo ficar mais oleosa e com isso podem surgir espinhas. Fora isso podem aparecer manchas escuras nas maçãs no rosto.

Unhas, as unhas ficam fortes e lindas durante a gestação, depois voltam ao normal ou ainda ficam mais fracas.

Sobre os cabelos, crescem bastante. Mas depois que o bebê nasce e os hormônios voltam ao normal os cabelos tendem a começar a cair, mas é normal.

No começo da gravidez é comum também sentir cólicas e leves puxões na barriga, pois o útero está crescendo.

Além de disso na gravidez a mulher fica menos focada, mais distraída, mas ela se torna mais alerta em relação a que coisas que podem machucar o seu bebê.

A estrutura óssea também vai ter algumas mudanças durante esse período, para acomodar o bebê dentro do corpo e depois permitir que ele passe pela bacia. Por causa disso os osso ficam maleáveis e as articulações mais frágeis, por isso o recomendável é que as grávidas evitem usar saltos altos, pois essas mudanças afetam no equilíbrio corporal.

sintomas-da-gravidez-coluna

As mudanças na segunda metade da gravidez

A barriga já está bem aparente, crescendo rapidamente. Nesse período os enjoos tendem a diminuir e já para sentir o bebê se mexendo mesmo. Lembrando que a movimentação do bebê deve ser sentida diariamente, um dia pode ser mais outro menos, mas tem que mexer todos os dias.

A partir do sétimo mês a mãe começa a realmente sentir os vários chutes, mas na reta final o bebê fica menos agitado por causa da falta de espaço, mas em compensação ficam mais doloridos os seus movimentos.

Olha o fazer mais xixi aqui de novo, agora é porque a bexiga está espremida pelo útero e isso vai fazer você ter que ir mais vezes fazer xixi, além de azia, prisão de ventre e falta de ar.

Entre o sétimo e o oitavo mês, quando a barriga já está muito maior, a mulher começa a andar feito uma pata, isso porque o corpo mesmo faz essa alteração na coluna e nas pernas, para melhor acomodação.

Agora também é o período dos inchaços nas pernas e pés. O bom é usar meias elásticas de compressão, movimentar-se, banho morno, e quando possível elevar as pernas (sentar e colocar as pernas em cima de uma cadeira ou deitar e colocar travesseiros em baixo das pernas).

Peso… assunto desagradável para muitas pessoas, o normal é engordar de 9 a 12 kilos, eu engordei 14 e agora tenho que suar para perder peso, então CONTROLE-SE!

Por causa do grande ganho de peso a grandes chances de aparecer estrias no corpo, o ideal é engordar o necessário, beber muita água e usar muito cremes e óleos para prevenção de estrias, eu usei desde o começo da gravidez, duas vezes por dia e não tive estrias.

Contrações de Braxton Hicks, não doem, mas a grávida sente que sua barriga fica dura de vez em quando, é uma preparação para o parto, ela pode continuar a vida normalmente pois ainda não chegou o grande momento.

Então essas foram as dicas de hoje, espero que tenham gostado! Em breve mais dicas sobre gravidez!

Quer mais informações sobre universo materno?

Mandamos conteúdos exclusivos sobre educação infantil, chá de bebê, enxoval, e muito mais!

Comente com o Facebook

comentários

6 COMENTÁRIOS

  1. Gi,
    Eu nunca tinha parado pra ler sobre esses sintomas depois da gravidez, rs
    Durante a gestação, lemos de tudo e depois dificilmente paramos pra refletir sobre eles, rs.
    Adorei.

  2. Ano que vem pretendo engravidar e já estou fora do peso e com muita prisão de ventre, tô perdida!
    Preciso mudar isso…
    Bjo!

Comments are closed.