Escolher um nome de bebê, o nome dos filhos, que vai ficar para a vida inteira… é algo complicado, você pensa no nome, nos possíveis apelidos, no significado, em pessoas que você conhecem que tem o mesmo nome…

Existem pessoas que simplesmente sabem desde antes de planejarem ter um filho de que quando tiverem o nome será tal. Eu não faço parte desse time.

Como fizemos as escolhas de nome de bebê?

A escolha do nome da nossa primeira filha:

Quando estava esperando a Isabela (minha primeira filha), mais ainda não sabia o sexo do bebê, achei mais fácil escolher nomes de meninos, tinha vários que eu gostava, e de menina eu não conseguia “sentir” que algum nome era uma boa escolha.

Quando descobri que era menina, bateu o nervosismo, “preciso dar uma nome pra bebê logo”, resolvei então fazer uma lista, sim isso mesmo, bem prática, fiz uma lista com nome que eu achava legal e passei para meu marido, ele riscou os que ele detestava e depois fomos indo por eliminação, pois é, foi assim o processo, nada de pegar inspiração em alguma pessoa famosa, ou no significado, ou personagem bíblico (minhas opções de nomes para meninos eram todos bíblicos), foi bem assim, lista e eliminação.

E o nome escolhido foi…

Isabela!!! Pensamos também no apelido, Isa ou Bela, decidimos por Isa, e simplesmente quando ela nasceu ela era Isabela, tinha cara de Isabela, é Isabela, não poderia ter escolhido outro nome para ela. Todos adoramos o nome escolhido.

E o significado do nome Isabela:

Significa casta, pura, Deus é juramento ou consagrada à Deus, ou seja, este nome simboliza uma pessoa consagrada, guiada pelo senhor.

A escolha do nome da nossa segunda filha (que ainda está na barriga):

Novamente descobri que estava grávida e nome de meninos já me vieram a mente, continuando gostando praticamente dos mesmos de alguns anos atras, poucas mudanças, mas de menina… já vinha pensando em algumas opções pois no fundo achava que viria outra menina.

Na real eu acabei com duas opções de nome, uma o marido vetou pois temos uma amiga bem próxima com o nome e a Isa também tem uma amiga bem próxima com o tal nome (coisa que não vejo problema, mas ele não gosta de tanta gente próxima com o mesmo nome, então ok), um nome eliminado, sobrou um.

E o nome escolhido dessa vez é…

Elisa! No começo até fiquei “meio assim”, “será que é esse nome mesmo”, perguntava pra barriga “será que você gosta desse nome”… mas agora já estou acostumada, quando nos referimos a bebê, é legal ela já ter nome, a Isabela gostou bastante da escolha(que por sinal ela tem uma amiga com esse nome, mas marido não se importou pois Elisa combina com Isa e ele gostou da combinação).

O problema foi o apelido… Tem as opções Eli, Lis e Lisa. Eli foi vetado, não gostamos. Marido gosta de Lisa, mas fala você aí “Lisa, Isa”, sai tudo a mesma coisa, já fico me imaginando chamando uma e a outra respondendo, então a outra opção de apelido que achei foi Lis (demorei pra achar essa opção). Lis!!! Gostei bastante, marido também gostou, assim fica diferente de Isa, para não gerar confusão. E os dois apelidos tem 3 letras, Isa e Lis. Adorei!

E o significado do nome Elisa:

É feliz, contudo, existem outros estudos que apontam para o nome Elisa ser uma abreviação do nome Elisabete que significa: consagrada por Deus.

Uma dica para o momento de escolher um nome de bebê:

Repita, repita e repita. Depois que você já pensou em vários nomes, nos motivos por ter feito tais escolhas, significados, apelidos e etc, repita, fale em voz alta várias vezes o nome, repare se você gosta de como o nome soa, para ver se gosta pra valer do nome escolhido!

Resumindo, adorei as nossas escolhas de nomes e apelidos para nossas filhas, já me sinto tranquila em relação ao nome escolhido e com certeza quando olhar para a Elisa/Lis vou ter certeza que também foi uma boa escolha.