Dor nas Costas na gravidez

Dor nas Costas na gravidez

A dor nas costas durante a gravidez é uma condição muito comum de acontecer e acomete de 7 a cada 10 gestantes. Ela pode ocorre por vários motivos, vejamos alguns:

  • Por conta dos hormônios da gestação: o nível de estrogênio aumenta 30 vezes na gestação e provoca um amolecimento das articulações pélvicas, localizadas na bacia um pouco acima da vagina, popularmente chamada de ” pé da barriga” para que haja flexibilidade para o bebê nascer durante o parto;
  • A famosa lombalgia: para poder suportar o tamanho do bebê, o útero precisa crescer e isso faz com que haja alterações em toda área abdominal, os músculos dessa região enfraquecem o que acaba mudando o centro de gravidade do corpo da mulher, forçando assim os nervos da coluna vertebral. Essa condição é mais frequente a partir do segundo trimestre de gravidez;
  • Todo o corpo da mulher é sobrecarregado para suportar o peso da barriga e do bebê, as articulações, ligamentos, discos, etc, todo o sistema de sustentação do corpo da mulher sofre com essas mudanças, se agravando quando a gestante fica muito tempo em pé ou muito tempo sentada.

A dor no Ciático que é o principal nervo dos membros inferiores, vai da região do lombar até o pé, também é muito relatada pelas gestantes. Como essa dor vem desde a lombar também é uma queixa comumente de dor nas costas, mas é importante ressaltar que não há estudo que valide a ligação entre a dor no ciático e a gestação, portanto caso a gestante esteja com queixas desse sentido deve procurar um ortopedista para averiguar outros fatores que podem estar causando a dor.

https://blog.cordvida.com.br/11-dicas-para-lidar-com-dor-nas-costas-na-gravidez/

O que pode ser feito para aliviar a dor nas costas na gestação:

Compressas:Tomar um banho quente bem relaxante, direcionando o jato de água do chuveiro para a região onde está localizada a dor ou aplicar uma bolsa de água quente nas costas é uma boa forma de aliviar a dor. Além disso, colocar uma bolsa de água quente na região também ajuda a aliviar a dor outro recurso é fazer compressas de água morna com óleo essencial de manjericão ou eucalipto sobre a região afetada, durante 15 minutos 3 a 4 vezes por dia também pode ajudar;

Massagens: a massagem relaxante nas costas e nas pernas pode ser feita com óleo de amêndoa-doce diariamente para aliviar a tensão muscular.

Usar almofadas para auxiliar o sono: a posição mais adequada para a gestante dormir é de lado, coloque um travesseiro ou almofada por entre joelhos quando dormir virada de lado, ou posicione o travesseiro embaixo dos joelhos se for dormir de barriga para cima. Com o auxílio do travesseiro a coluna se acomoda melhor aliviando o desconforto.

Fazer fisioterapia:existem diferentes técnicas que podem ser usadas com o intuito de aliviar as dores nas costas.

Fazer alongamentos: Deitar de barriga para cima, com as pernas dobradas, segurando apenas uma perna de cada vez, posicionando as mãos por trás das coxas. Com este movimento a coluna lombar é retificada trazendo alívio imediato da dor nas costas. Este alongamento deve ser mantido por pelo menos 1 minuto de cada vez, controlando bem a respiração.

Usar remédios: em alguns casos pode haver a indicação de se utilizar remédios via oral ou de pomadas locais para alívio da dor, mas nestes casos precisa haver uma indicação médica, não tome remédios por conta própria.

Praticar exercícios regularmente: exercícios físicos com acompanhamento também são ótimas opções para alívio da dor, como Pilates, natação, caminhada, etc.

Quando a dor nas costas pode indicar algo mais grave na gestação:

1.) Quando há sangramento vaginal

As dores nas costas também podem ser sinal de trabalho de parto prematuro, se a dor for semelhante as dores das contrações uterinas e vier com sangramento vaginal ou corrimento. Nestes casos procure ajuda de um profissional da saúde, para que ele possa averiguar a situação.

2.) Quando há febre e dor desagradável

Quando as dores nas costas estão localizadas na parte inferior ou nas laterais das costas, entre as costelas e os quadris e vem junto com febre pode ser sinal de infecção no rim ou na bexiga e nestes casos é necessário o uso de antibióticos e é necessário uma intervenção rápida. Também pode incluir dor ao urinar, sangue na urina, calafrios, etc.

3.) Quando há dormência 

Muitas vezes a dor nas costas pode vir seguida de dormência, que pode significar dores no nervo ciático ou de outros nervos que conectam a coluna a parte inferior do corpo e a área pélvica. Portanto caso você sinta dormência ou formigamento nas nádegas, pernas ou pés é necessário procurar um médico para que não ocorra problemas mais graves.

4.) Quando a dor for repentina e esporádica

Dor nas Costas na gravidez

Quando a dor for esporática e surgir de forma repentina e gravemente sem apresentar uma causa aparente, nestes casos é necessário análise de um especialistas para descartas condições mais raras como osteoporose e artrite associadas a gravidez.

Caso você sinta dor nas costas após uma queda ou batida, também entre em contato com seu médico para descartar qualquer lesão grave a si mesma ou ao bebê. Todo cuidado é pouco.

Categorias Etc

close