Entrevista com a mamãe Leticia do Tá na Mesa Culinária Consciente

Hoje vamos conhecer um pouquinho da Leticia, mãe da Alice, 4 anos.

Ela também é designer, estudante de gastronomia, curiosa da nutrição. Depois de ser mãe, seu mundo culinário se tornou ainda maior: acredita que uma refeição possa ser nutritiva, consciente e saborosa. Essa foi a motivação para criar o Tá na Mesa Culinária Consciente Infantil.

1. Qual foi a maior coisa que você teve que abrir mão nesses últimos anos?

Eu não diria abrir mão, mas sim trocar o tipo de lazer que eu tinha. Antes eram viagens e saídas sem se preocupar muito com a hora da volta, agora tudo tem que ser programado, pensando sempre numa logística boa para todos.

2. O que você faria se tivesse 3 horas a mais no seu dia?

Certeza mais tempo com a minha filha. É por ela que busco hoje trocar de profissão e ter mais tempo com ela.

3. Ser mãe fez você ficar mais careta?

Não, ainda não!

4. No momento o que você mais precisa? Conversar ou ficar em silêncio?

Gosto do silêncio, mas falar sempre me ajuda a criar mais na vida.

5. O que mudou nas suas amizades desde que seus filhos nasceram?

Não muito, porque minhas amigas foram tendo filhos juntos comigo. Mas procuro fazer as vezes passeio sem filhos também, acho importante

6. Você tem medo de que?

Como toda mãe ficar longe da minha filha.

7. O que você aprendeu com seus filhos?

Aprendi muito e continuo aprendendo. Que a maternidade é uma experiência única e gerar um filho, parir e amamentar é mágico; que as coisas não estão totalmente no meu controle e que mesmo assim o mundo não acaba; que o simples e o natural sempre é o que faz melhor ao nosso organismo e nossa alma; que tem que ter autocontrole quando vê massinhas misturadas, roupa suja de tinta, pisadas em poças de lama; que tudo o que você fala antes de ter um filho vai por água abaixo; que é preciso muita paciência no aprendizado da vida, com perguntas, respostas, aprendizado emocionais e psicológicos; e principalmente que o amor está nas coisas mais simples do dia a dia.

8. Qual foi o maior desafio que você enfrentou com a maternidade?

Acho que foi reaprender o modo de pensar e agir. Muitas coisas que a gente fala que não vai fazer e que depois de passar pela maternidade muda. O olhar e a prática são outras agora.

9. Cite 3 coisas pelas quais você pode ser grata hoje.

Pela minha vida, pela minha filha e pela nossa saúde

10. Dê uma dica de mãe para mãe.

Ouça todos os médicos e especialistas, todos os parentes, todos os amigos, todos os palpiteiros, analise, aprenda e entenda mas siga aquilo que o seu instinto e seu coração mandar. Mãe sempre sabe o que é o melhor para seu filho.

Aproveite mamãe e conheça outras mamães que já passaram por aqui:

Quer mais informações sobre universo materno?

Mandamos conteúdos exclusivos sobre educação infantil, chá de bebê, enxoval, e muito mais!

Comente com o Facebook

comentários