varizes na gravidez

Varizes na gestação – o que são, sintomas e como prevenir?

Veja agora como aliviar os sintomas e desconfortos que as varizes na gestação podem causar e saiba porque elas surgem.

Algumas gestantes sofrem com o desconforto das varizes na gestação. Geralmente elas surgem por volta do terceiro trimestre, pois é nesse trimestre que a barriga chega ao seu tamanho máximo, havendo uma compressão da veia cava dentro da barriga, prejudicando assim o retorno do sangue das pernas.

A situação pode se agravar se houver um histórico de problemas circulatórios anterior a gestação e também pelo sobrepeso na gestação. Para vermos formas de como aliviar os sintomas e desconfortos causados por elas, vamos entender um pouco melhor porque elas surgem.

O que são varizes?

Varizes são veias que se dilatam e se deformam, são mais frequentes em pernas e pés, devido a dificuldade do retorno venoso mas podem surgir em qualquer parte do corpo, um exemplo disso são as hemorroidas que tecnicamente também são varizes só que na área do reto, há ainda mulheres que apresentam varizes na vulva (área em volta da vagina).

As veias são responsáveis por transportar o sangue pobre em oxigênio e cheio de resíduos, até o coração, ou seja após a irrigação sanguínea dos membros inferiores as veias fazem o sangue retornar ao coração, e para isso existem válvulas que impulsionam o sangue para cima, impedindo que ele retorne aos pés como efeito da força da gravidade. Quando essas válvulas não funcionam corretamente, o sangue fica empoçado nas veias, provocando sua dilatação e deformação.

Sintomas das varizes na gestação:

O principal sintoma de que a maioria das gestantes relata são o surgimento de veias superficiais em tom azulado ou roxo ao redor dos pés e pernas. Mas nem sempre elas são aparentes na pele, algumas vezes elas podem ser mais profundas sendo diagnosticadas apenas por meio de exame de ultrassonografia. Por isso alguns sintomas que indicam o surgimento de varizes mesmo que não aparente são:

  • dores locais (embora algumas vezes elas também pode ser indolores);
  • coceira na pele encima da veia varicosa;
  • inchaço nas pernas e tornozelos;
  • pernas pesadas e cansadas;
  • alteração de sensibilidade na perna.

Aproveite e confira:


Por que surgem varizes na gestação?

As varizes surgem na gestação ou “ficam piores” devido a pressão do útero que está em constante crescimento, sobre as veias pélvicas e a veia cava inferior (uma grande veia da parte direita do corpo que recebe sangue dos membros inferiores e de boa parte dos órgãos pélvicos e abdominais). A pressão do útero nas veias das pernas leva ao aparecimento das varizes.

Outro fator são as mudanças hormonais, a elevação nos níveis de progesterona provoca o relaxamento das paredes dos vasos sanguíneos e assim veias “azuladas” ou com um aspecto mais inchado podem aparecer sob a pele, causando dores ou não.

Fatores como histórico familiar e obesidade ou sobrepeso na gestação, também contribuem para o surgimento das varizes.

Como prevenir as varizes na gravidez

Infelizmente não há um remédio que possa prevenir o surgimento das varizes na gestação, por questões hormonais, físicas ou de histórico familiar é bem provável que você tenha que conviver com as varizes na gestação. O que pode ser feito, são medidas para amenizar os sintomas causados por elas e impedir que hajam maiores complicações.

Dicas para minimizar os desconfortos das varizes:

  • Evite o sobrepeso, mantenha uma dieta balanceada;
  • Use meias de compressão, você precisa fazer isso antes de pôr os pés no chão de manhã cedo assim você irá impedir o acúmulo de sangue nas pernas. Guarde as meias em um criado-mudo próximo, assim elas estarão ao seu alcance na hora de se vestir. Elas diminuem as chances de que as veias fiquem dilatadas após a gravidez e também auxiliam na redução de estrias, já que elas sustentam a barriga com firmeza;
  • Eleve as pernas para descansar, várias vezes ao dia, se estiver sentada use um banquinho para elevar as pernas, se estiver deitada use travesseiros e almofadas para elevar as pernas;
  • Procure não ficar de pé muito tempo, se você trabalha sentada faça intervalos e dê uma caminhada para ajudar na circulação;
  • Use sapatos confortáveis;
  • Pratique atividades físicas regularmente, uma caminhadinha diária já irá ajudar;
  • Não cruze as pernas quando estiver sentada, pois essa posição pressiona ainda mais as veias, dificultando a circulação sanguínea além de comprometer a sua postura e aumentar as dores nas costas;
  • Procure um médico angiologista, não faça nada sem recomendação médica.

As varizes são perigosas?

Na maioria dos casos não, elas causam apenas incômodos como já citados. É bem improvável que gerem problemas circulatórios crônicos ou coágulos de sangue. Os coágulos de sangue se formam na superfície da pele, a veia costuma ficar endurecida ao redor da área, pode ficar vermelho, quente, sensível e dolorido o local. Se notar algo semelhante procure um médico, pois nesse caso pode se tratar de algo sério.

Caso a sua perna fique inchada, se aparecerem feridas ou se a pele perto das varizes mudar de coloração, procure um médico.

Existe uma condição que pode acometer mulheres com distúrbios de coagulação ou que estejam em repouso prologando que é a trombose venosa profunda, nesse caso o cóagulo se desenvolve em veias mais profundas, geralmente nas pernas, pode ocorrer sem sintomas prévios ou com sintomas repentinos como inchaço bem dolorido no calcanhar, perna e coxa. Pode doer ainda mais se o pé for flexionado ou ao ficar de pé, pode gerar febre também. Nesses caso procure um médico imediatamente, lembrando que não é uma situação comum na gestação, mas precisamos estar sempre atentas a quaisquer mudanças.

Deixe um comentário

close