Com a maternidade acabamos fazendo novas descobertas que facilitem a nossa vida e uma delas é Kindle. Compartilho hoje um pouco dos motivos que nós fizeram gostar muito de usar o kindle e também conheça os 10 livros de maternidade que super indico para gestantes e recém-mães.

Aqui em casa nós passamos a usar bastante o Kindle, o modelo que temos é o Kindle PaperWhite da Amazon. Alguns motivos que nos fazem adorar o kindle:

  • é leve, você pode carregar na bolsa
  • você pode ter uma biblioteca enorme dentro do kindle
  • é leve (de novo…) e você pode ler deitada na cama
  • a luz é perfeita para ler a noite e não incomodar o marido que pode estar querendo dormir
  • e você pode usar apenas uma mão para segurar o kindle e passar a página

Fiz um vídeo mostrando e falando sobre as vantagens do kindle paperwhite (AQUI).

Agora os 10 livros sobre maternidade que você tem que ler!

    • A Maternidade e o Encontro com a Própria Sombra

Edição revista e ampliada do livro que é o resgate do relacionamento entre mães e filhos. Ser mãe é uma experiência única e indescritível. Mas também é o ponto de partida para a vivência de inúmeros sentimentos e emoções que as mulheres ainda não conhecem. Em A maternidade e o encontro com a própria sombra, a renomada psicoterapeuta Laura Gutman explica os sentimentos conflitantes na realidade de uma parturiente, trazendo importantes orientações sobre as fases pré e pós-parto. Usando como exemplos diferentes situações cotidianas, Laura apresenta um leque de sensações com as quais qualquer mulher que tenha se tornado mãe poderá facilmente se identificar, ajudando-as através desse período repleto de incertezas e pequenas vitórias.

  • Os Segredos de uma Encantadora de Bebês

Há um insidioso mito de que todos os pais devem desistir não apenas do sono, mas também de toda a vida durante o primeiro ano do bebê. Tendo trabalhado com mais de 5 mil bebês nos últimos vinte anos, Tracy Hogg tem a rara capacidade de entender todos os murmúrios e brados de um bebê, o que lhe valeu o apelido de A Encantadora de Bebês. Assim que ouve o lamento de um bebê, Tracy é capaz de dizer se ele está faminto, cansado, agoniado ou apenas precisando de um pouco de carinho. Porém, seu talento mais surpreendente é a capacidade de ensinar aos pais uma forma de também eles encantarem seus filhos.

Neste livro bem-humorado, Tracy centraliza seu vasto conhecimento (e também uma alta dose de bom senso) em programas de educação simples e fáceis, que os pais podem adotar logo nas primeiras semanas de vida do bebê. Inspirador, realista e muitas vezes insólito, Os Segredos de uma Encantadora de Bebês promete aos pais não apenas um bebê mais sadio e satisfeito, como também um lar mais relaxado e feliz.

  • Mulheres visíveis, mães invisíveis

A maternidade, o parto e a criação dos filhos são momentos extraordinários para toda a família, mas são verdadeiramente especiais para a mãe. Diante de inúmeras teorias e soluções “práticas” que desrespeitam e desconsideram a opinião da mãe e muitas vezes colocam a saúde do bebê em risco, Laura Gutman coletou diversos artigos em Mulheres visíveis, mães invisíveis que buscam esclarecer a gravidez, o parto e a infância, para que as futuras mamães possam encarar essas fases sem medo e sem traumas.

  • Marinheira de primeira: Um guia prático para os primeiros cuidados com o bebê

Verdadeiro guia de sobrevivência para pais e mães de primeira viagem, esse livro traz tudo o que precisamos saber para a chegada de um recém-nascido:

– a lista básica de enxoval e os utensílios fundamentais;
– o que levar para a maternidade;
– a hora do parto;
– a escolha do pediatra;
– as rotinas de sono e amamentação;
– o banho e a higiene do bebê;
– a formação de uma nova dinâmica familiar

Olivia Bernardes, com o respaldo e a supervisão de pediatras e obstetras, criou o curso Marinheira de Primeira, que, nos seus mais de dez anos de sucesso, orientou muitas grávidas nesse maremoto de emoções, ensinando a prática do dia a dia nos cuidados com o bebê. Olivia aproveita ainda para desmitificar a maternidade. Sem ditar o que é certo ou errado, seu propósito maior é ajudar os pais a transitar sem sobressaltos nesse novo universo, livres de qualquer culpa ou julgamento.

  • Mãe de primeira viagem: Como lidar com os desafios da maternidade – do nascimento ao primeiro ano da pré-escola: 1

Saber da chegada do primeiro filho deixa as futuras mamães um tanto atordoadas e cheias de dúvidas, afinal de contas, o bebê não vem com um manual de instruções! Mas, sem dúvidas, esse é o melhor presente que você poderia ganhar: ser mãe. Há uma longa jornada à frente, repleta de grandes descobertas e marcada por muito amor e carinho. Mas o que realmente a espera? Como adaptar-se a esta nova fase com rapidez e segurança? Conte com Kevin Leman para ajudá-la a entender a dinâmica de sua nova vida como mãe de primeira viagem, a conhecer as necessidades de seu filho e a tomar as decisões mais acertadas, que favorecerão toda a família. Este livro vai ajudá-la a saber o que esperar quando levar seu filho da maternidade para casa e em que se concentrar durante os primeiros dez dias de vida dele, além de orientações sobre o que fazer até o primeiro ano da pré-escola. Sua decisão de tornar-se mãe significa que você terá de fazer alguns sacrifícios para poder assumir a responsabilidade adicional de cuidar de um filho. Mas, por favor, esteja ciente de que criá-lo será a coisa mais importante que você vai realizar – e uma verdadeira dádiva capaz de mudar o mundo ao seu redor de uma forma jamais sonhada. Mergulhe de cabeça nessa aventura!

  • Coisas bizarras que você só descobre quando está grávida

O corpo, a barriga, seios, dentes, pelos, pés, desejo sexual, útero… em 24 capítulos estes e outros temas são desbravados de forma simples, direta e divertida, por Fernanda Oliveira, no lançamentoCoisas bizarras que você só descobre quando está grávida. A autora, que além de mãe é psicanalista, consegue tirar dúvidas e, ao mesmo tempo, contar curiosidades sobre esta etapa tão especial da vida da mulher: a chegada da maternidade. As loucuras, surpresas, angustias e maravilhas que você só descobre… quando está grávida.
A conversa informal com a leitora é iniciada a cada capítulo com um singelo “Companheira gestante”. Assim como num bate papo Fernanda trata com bom humor de temas importantes para qualquer gestante e faz questão de frisar: não é médica, nem nutricionista, enfermeira, fisioterapeuta, esteticista, mas se orgulha de ter construído uma síntese do que toda essa gente a ensinou. Psicóloga com especialização em saúde mental, também tem mestrado, doutorado e formação em psicanálise.
Dicas de alimentação, cuidados com a higiene bucal, a importância da massagem e drenagem para amenizar inchaços e como lidar com os palpiteiros de plantão também estão em pauta. Até mesmo aquele conselho básico de, na dúvida, não hesitar em telefonar para importunar o obstetra. Afinal, quem mandou ele escolher essa profissão? Para as grávidas de primeira viagem ou para aquelas que já viveram a plenitude da maternidade anteriormente, Coisas bizarras que você só descobre quando está grávida é uma leitura de linguagem fácil, esclarecedora e indispensável para encarar a ansiedade dos nove meses de gestação.

  • Filhos: Da Gravidez aos 2 Anos de Idade 

Este é um livro que todos os pais precisam ter!

Contém informações fundamentais e atualizadas para você cuidar de seus filhos da melhor maneira, seguindo as orientações dos pediatras da Sociedade Brasileira de Pediatria.

• Dinâmico e interativo

• Linguagem objetiva e de fácil compreensão

• Ideal para consultas no dia a dia

• Alertas das situações emergenciais

• Orientações sobre cuidados, alimentação, segurança, educação e brincadeiras

• Dicas pontuais e diretas

• Calendário das vacinas em cada idade

• Ilustrado delicadamente pela premiada artista plástica Suppa

  • Crianças francesas não fazem manha

A jornalista americana Pamela Druckerman se muda para Paris logo após se casar. Lá, além das diferenças culturais mais conhecidas, começa a observar que as crianças se comportam de forma muito mais educada do que jamais viu. Estarrecida, ela percebe que os jantares nas casas dos franceses não são eventos caóticos em que crianças interrompem os adultos, brigam com os irmãos ou reclamam dos legumes.
Esse é apenas um dos exemplos que a fazem querer descobrir qual é a mistura de autoridade e relaxamento dos pais que faz com que as crianças francesas sejam tão comportadas, sem ficarem reprimidas ou sem personalidade. Afinal, qual é o segredo para que durmam a noite toda? Para que não tenham ataques de birra em público? Para que sejam educadas à mesa e experimentem muito mais do que nuggets e batatas? Para que desenvolvam a autoestima e se tornem articuladas?
Os pais que ela observou em Paris parecem ter encontrado o equilíbrio perfeito entre ouvir os filhos e deixar claro que são os adultos que mandam. Pamela nota que os franceses conseguem balancear admiravelmente suas necessidades e as das crianças, não se acorrentam a um falso conceito de pais perfeitos e, ainda assim, são atentos, carinhosos e criam filhos educados e felizes.
“Crianças francesas não fazem manha”, resultado da observação de anos da autora, é um relato inteligente, bem-humorado e ao mesmo tempo bem-fundamentado dos segredos dos franceses para ter filhos criativos e educados — e também um manual para os pais não se tornarem escravos de pequenos tiranos.

  • Nasceu, e agora?: um guia prático para cuidar de seu filho no primeiro ano de vida

Quem não sonha com um bebê que durma a noite inteira, que mame no peito e desmame tranquilamente quando chegar a hora, que sorria sem cólicas nem ataques inexplicáveis de choro e que até permita aos pais uma escapadinha de vez em quando? Mas a realidade depois que mãe e filho saem da maternidade costuma ser bem diferente, especialmente para os pais de primeira viagem, bombardeados com dicas conflitantes e ultrapassadas crendices populares. O que fazer, então?

Referência absoluta na preparação de casais grávidos no Brasil, a francesa radicada no Rio de Janeiro, Stéphanie Sapin-Lignières, ensina há quase quatro décadas os segredos para criar um bebê feliz. Mais de 5 mil casais, mães e pais naturais ou adotivos, anônimos e famosos, já passaram por seu consultório e frequentaram seus cursos. Stéphanie é uma espécie de “personal bebê”. Sage-femme (parteira, em francês) e ex-estagiária na clínica do obstetra Frédérick Leboyer, ferrenho defensor dos nascimentos humanizados, é uma profissional experiente e antenada com todas as descobertas científicas, além de antigas e novas técnicas para a criação de crianças pequenas.

A união de conhecimentos teóricos com a experiência prática de uma mãe e avó faz toda a diferença. Neste livro, a monitora perinatal compartilha dicas mais do que testadas que vão transformar a amamentação e o sono, dois dos maiores pesadelos dos pais de recém-nascidos, em momentos de prazer e tranquilidade.

  • Boas-vindas, bebê 1: Do nascimento aos três meses de idade

A chegada de um bebê muda a dinâmica da família. Sejam experientes ou de primeira viagem, os pais se deparam com muitas dúvidas ao longo do desenvolvimento da criança. Para ajudá-los a acompanhar o crescimento de seus filhos com menos ansiedade e mais prazer, a Dra. Ana Escobar, consultora do programa “Bem-Estar”, da TV Globo, e colunista do portal G1, reuniu e esclareceu as dúvidas mais comuns que ouviu em 30 anos de experiência como pediatra no livro “Boas-vindas, bebê”.

A obra é dividida em três volumes. O primeiro é dedicado aos três primeiros meses, considerados os mais desafiadores. Em breve serão publicados o segundo livro, que enfoca no período dos três meses aos dois anos, e o terceiro, que trata dos dois aos cinco anos. Com uma linguagem simples e clara, a Dra. Ana tira dúvidas e dá dicas para mães, pais e avós não se perderem em um emaranhado de palpites e possam tomar decisões com mais segurança e serenidade.

“Boas-vindas, bebê 1” aborda questões que aparecem logo após o parto: o papel dos pediatras neonatologitas, os exames e vacinas que devem ser providenciados ainda na maternidade e até a melhor maneira de organizar as visitas.

Os primeiros dias do bebê em casa também recebem atenção especial: a organização do quarto, o banho, as trocas de fraldas, os cuidados com o umbigo, a higiene oral e o que fazer em caso de assaduras, entre outros. A autora dedicou um capítulo inteiro à amamentação, com informações valiosas para um aleitamento tranquilo, além de uma série de perguntas e respostas para esclarecer as questões mais frequentes entre as mães.

O guia trata detalhadamente de temas como o crescimento, o desenvolvimento físico e psicológico, sono, os tipos de choro, o uso da chupeta, os problemas mais comuns e sinais de alerta. De acordo com a Dra. Ana, “Boas-vindas, bebê 1” “tem a missão de descomplicar o dia a dia e acalmar a ansiedade que o primeiro chorinho do bebê desperta”.