Qual a função dos adultos nas brincadeiras infantis?

Imagem: pixabay

Muitos pais acham que brincar é, apenas, um momento de descontração da criança. Comandam as brincadeiras e querem que as crianças ajam como mini adultos. E acabam colocando os filhos em diversas atividades extracurriculares para ocuparem o tempo livre.

A criança não pode ser privada de momentos de tempo livre, pois é ali onde sua capacidade motora, intelectual e social está sendo desenvolvida.

Esta parte crucial da nossa vida, nos dá a chance de aprendermos com os próprios erros e potencializar nossos sentidos e imaginação.

As faltas destes momentos trazem “problemas” de convívio social, como a timidez, insegurança, dependência, incapacitando assim a criança de se tornar um adulto preparado para os altos e baixos da vida.

Os benefícios do brincar para as as crianças são inesgotáveis e como tal, os adultos têm um papel fundamental para promover o crescimento feliz e saudável da criança.

Quando um adulto se dispõe a separar um tempo e brincar com seus filhos, ele demonstra afeto e aumenta o nível do tanque de amor dos filhos.

Sobre a importância dos adultos nas brincadeiras infantis.
Imagem: pexels

Crianças pequenas precisam brincar livremente e também com seus pais, pois é nessas situações que elas os conhecem de outra forma.

Uma coisa é a mãe, por exemplo, séria ou preocupada com os afazeres do dia a dia com o filho, outra é ela “séria ou preocupada” fingindo ser um lobo ao ler ou brincar com seu filho.

É certo que o melhor é que os pais sejam lúdicos, criativos, divertidos e leves em qualquer situação com suas crianças, mas sabemos que nem sempre isso é possível.

Por isso, os que cantam, brincam, contam histórias, conversam e dizem o que estão fazendo, são tão importantes ao desenvolvimento da criança quanto aqueles que cuidam de sua alimentação, saúde, higiene e sono.

As crianças precisam brincar, precisam ter tempo livre, precisam ter tempo ocioso, tempo para ouvir músicas, ouvir histórias, rir e se divertir, colorir desenhos ou fazendo brincadeiras.

Brincar corresponde a uma necessidade tão básica quanto os cuidados de higiene, alimentação, descanso e saúde.

É importante que os educadores, cuidadores e pais, brinquem com a criança.

Uma boa dica para ajudar principalmente nesse período de férias e no dia a dia da família, é organizar espaços lúdicos para que as crianças tenham facilidade e autonomia para escolherem do que vão brincar, além de facilitar na hora de guardar os brinquedos (para isso não deixe muitos brinquedos disponíveis, você pode fazer rodízio de brinquedos, 1x por semana, de 15 em 15 dias ou mais).

Aproveite e confira: