Calendário de Gravidez: Semanas x Meses (para ajudar você!)

calendario de gravidez
Imagem: Bebê Abril

Quem nunca passou por essa situação: Uma amiga, conhecida, familiar está grávida e você toda simpática vai puxar um assunto e pergunta de quantos meses de gestação ela está, e nessa hora a amada gestante cheia da boa vontade lhe responde: “x” semanas! E você fica com aquela cara de “paisagem” pensando no que ela quis dizer com isso?!

Tirando quem já engravidou alguma vez na vida e equipe médica, no geral o restante das pessoas de bem, não faz ideia do que você quer dizer quando responde a gestação em semanas, as vezes até a gente se perde quando está grávida, não é?!

Particularmente eu acho mais prático contar em meses, 1, 2, 3 etc, mas foi estabelecido pelos médicos mundialmente falando, que deveria haver uma forma universal de contar as etapas da gestação e ficou estabelecido que seria em semanas, porque é mais fácil acompanhar o desenvolvimento do feto por semanas do que por meses, afinal a evolução deles dentro da barriga é muito rápida, de uma semana para a outra muita coisa pode mudar, quem dirá de um mês para o outro. Então bóra aprender a contar por semanas, afinal a gente precisa se familiarizar com isso, já que todos os exames e acompanhamentos da gestação serão pela contagem das semanas e não dos meses.

Para ajudar você a se adaptar com essa nova contagem, afinal antes de engravidar provavelmente você achava que teria o bebê com 9 meses e não com 42 semanas, segue abaixo um acompanhamento semana a semana, e o que elas correspondem em meses.

Calendário de Gravidez: Semanas x Meses

Calendário de Gravidez: Semanas x Meses

PRIMEIRO TRIMESTRE:

1-4 semanas: 1º MÊS

A união entre o óvulo e o espermatozoide, dá origem ao zigoto, que se instala na lateral do útero logo depois de uma sequência de divisões celulares se transforma em blastocisto e, em seguida, em um embrião. Nessa fase, a placenta que é semelhante a um disco que conecta o seu corpo ao do bebê também começa a se formar e se prender na parede uterina. O líquido amniótico que vai auxiliar na alimentação do embrião e protegê-lo já está se formando dentro de um saco gestacional que o circunda.

5-8 semanas: 2º MÊS

O coração do bebê é do tamanho de um feijãozinho e começa a bater a mil pelo Brasil, dando início assim a circulação sanguínea.

Nessa fase acontece a formação dos principais órgãos e sistemas do corpo do bebê, embora estejam ainda em desenvolvimento. É quando se formam os pés, mãos e dedos. Também começa a se formar o esqueleto, músculos e quando os olhos, orelhas, e boca se tornam visíveis.

Acontece a formação do sistema nervoso do bebê, os dois hemisférios cerebrais já existem, e o tubo neural se fecha.

9-12 semanas: 3º MÊS

A partir da 10º semana o embrião já é considerado um feto, e sua aparência já está bem mais parecida com a forma humana. Todos os órgãos está formados, mas estão em desenvolvimento ainda. Nessa fase se forma o rim, e já há produção de urina. O bebê já se movimenta dentro do útero, mas ainda não dá para perceber exteriormente esses movimentos.

O sistema nervoso se aperfeiçoa cada vez mais, há produção de uma quantidade grande neurônios. Também começa a formação da genitália e o processo de ossificação.

Começam a crescer as unhas, os dentes e um pouco de cabelo também, ele já possui impressões digitais.


Aproveite e confira:


SEGUNDO TRIMESTRE:

13-16 semanas: 4º MÊS

Nessa fase já é possível descobrir o sexo do bebê, pois suas genitálias já estão formadas. O bebê já é capaz de fechar as mãos, ele está cada vez mais perceptivo há estímulos sonoros e luminosos. Surge o lanugo, uma pelugem que reveste e protege o corpo do bebê. O bebê pode soluçar de vez em quando, devido ao movimento de músculos involuntários.

17-21 semanas: 5º MÊS

Nessa fase o bebê já boceja, chupa os dedos, brinca com o cordão umbilical, dá mil piruetas dentro da sua barriga, e isso pode começar a atrapalhar o sono da mamãe, pois o bebê passa a adotar um outro ritmo de sono que não é o mesmo da mamãe (normal…kkk…já vai se acostumando!!!). O sistema digestivo, urinário e circulatório passam a funcionar adequadamente.

22-26 semanas: 6º MÊS

Essa fase é marcada pela interação mamãe, bebê e meio exterior, pois o bebê passa a ouvir tudo ao seu redor, como os batimentos cardíacos da mamãe, as vozes e sons vindos do exterior especialmente a voz da mamãe. Por isso aproveite essa fase para conversar bastante com seu bebê, cante para ele, leia histórias, criando esse vínculo afetivo desde a barriga, é uma fase muito gostosa!

A medula óssea já é capaz de formar células sanguíneas. O bebê já consegue ingerir líquido amniótico “treinando” a deglutição.

TERCEIRO TRIMESTRE:

27-30 semanas: 7º MÊS

Agora o bebê está ganhando peso, já deve pesar em torno de 1 kilo e isso faz com que ele se mexa menos, pois começa a ficar apertado dentro da barriga da mamãe.

Seus olhos se abrem e ele passa a acompanhar fontes de luzes exteriores próximas a barriga da mamãe. Ele bebe líquido amniótico e começa a produzir o mecônio. Também acontece a ultima fase de maturação do cérebro, os seus nervos são recobertos pela bainha de mielina.

31-35 semanas: 8º MÊS

O corpo do bebê apresenta um aspecto menos enrugado, pois aumenta a quantidade de gordura no corpo do bebê. O bebê se move constantemente e já se posiciona de cabeça para baixo. Todos os sistemas já estão em pleno funcionamento, com exceção do sistema respiratório.

36-42 semanas: 9º MÊS

E está chegando a hora do nascimento, o bebê se encaixa na bacia da mãe em posição para o parto. O sistema respiratório está se desenvolvendo até a hora do parto, que será aonde o bebê irá fazer a primeira respiração. Nessa fase o bebê dorme bastante e também já quase não tem mais espaço para se mexer, afinal está chegando a hora!