fbpx

Cantando e dançando, a criança aprende muito mais!

Hoje é dia de super post das psicólogas Paola Richter 07/25621 e Natana Consoli 07/25622 da página Eaí Psi? falando sobre os benefícios da música e da dança para crianças!

————————————————-

“Escravos de Jó, jogavam caxangá…”, e quem aí não leu cantando e relembrou a infância? Hoje vamos falar sobre algo constante em nosso dia a dia: a música! Rádio ligado no carro, música na TV em casa, vídeo no celular… E a criançada adora… Opa, só a criançada? Confessa aí, nós também adoramos! A música nos move! E, além disso, a música traz uma série de benefícios, confere aí!

A música contribui para a sensibilização da criança, a partir da música, da melodia, dos sons, a criança desenvolve aspectos como criatividade, coordenação motora, lógica, socialização, capacidade inventiva, expressividade, tato fino, percepção sonora, percepção espacial, sensibilidade, entre outras tantas coisas. Chamamos atenção para a socialização e a sensibilidade.

A música depende de mais de um instrumento e/ou mais de uma pessoa, especialmente nas músicas infantis, ela é composta por um cenário gigantesco, por bandas cheias de bichos e amiguinhos diferentes, que juntos, fazem a música. Eles são uma equipe e um precisa do outro para que a música aconteça. Eles se socializam e se divertem juntos. Eles cooperam uns com os outros para que a música possa acontecer e todos os instrumentos possam ser tocados ao mesmo tempo, só assim o som tem a sintonia perfeita. A sensibilidade das crianças faz com que essa cooperação de grupo seja observada, indiretamente, e transmitida para seus grupos de convívio.

Outra questão importante que as crianças aprendem com a música é ter disciplina, seguir regras e respeitar a vez do outro. Ela precisa respeitar o tempo do colega e para que a música aconteça ela começa a aprender a fazer críticas construtivas, porque também vai recebê-las, e aprende também a lidar com isso, potencializando sua capacidade de ouvir e interagir, de se frustrar e evoluir.

Para as crianças mais agitadas, a música ajuda a relaxar, a refletir, a se reorganizar. Criar coreografias em que as crianças tenham que cantar sem que saia a voz, ou bater as mãos sem fazer barulho, ou então fazer tudo ao mesmo tempo e depois ir diminuindo e aumentando o ritmo os ajuda muito na concentração e na hiperatividade, além de ser atividades divertidas.

Outra atividade que vai de encontro com a música é a dança! A dança também é a ma-ra-vi-lho-sa para o desenvolvimento das crianças, ela ajuda na socialização, no desenvolvimento psicomotor, na timidez, auxilia as crianças a expressarem seus sentimentos e adquirirem maior autoestima e autoconfiança. Além disso, a dança pode melhorar a postura física, aumentar a capacidade de concentração, aumentar o conhecimento sobre seu próprio corpo.

A dança e a música estão intimamente relacionadas e cada criança as sente de uma forma diferente, influenciada pela sua personalidade. A música relaxa, acalma, incentiva, anima, beneficia e liberta! Música e dança são expressões do que somos e do que sentimos… Incentive seus pequenos a ouvir músicas, se possível, coloque eles em uma aula de música ou de dança… O retorno será gratificante! Vale lembrar que aulas de dança e música para crianças muito pequenas vai muito além de aprender uma coreografia ou tocar um instrumento, não exija perfeição, exija movimento, isso é o mais importante!

Super beijo e até a próxima!

close