Parto normal: o que faz uma doula?

Com o parto normal voltando a ser um grande tema de discussão entre as futuras mães, uma personagem também tem seu lugar de destaque: a doula. Você sabe o que uma doula faz e por que ela é tão solicitada nos partos naturais?

A profissional doula

A profissão doula é muito antiga, mas há pouco tempo ela começou a ser mais requisitada para os partos de mães que desejam receber o filho de forma natural.

A doula acompanha o parto normal levando segurança e confiança para a gestante. Em um momento onde a mãe está sob tensão e prestes a ter um parto que depende do seu esforço, dedicação e persistência, a doula leva a humanização necessária para que aquela seja uma experiência natural e mais tranquila, livre de medo.

Em sua missão, a doula dá palavras de apoio e motivação, calma e faz massagens de relaxamento para que o parto normal ocorra com tranquilidade para a parturiente, que terá as dores naturais e se sentirá mais acolhida com esse reforço emocional e físico, evitando o uso de medicamentos.

Então podemos classificar a doula como alguém disposta a ajudar e estar do lado da mãe com o suporte do qual ela precisar, como uma amiga, mas com toda a experiência profissional que ela carrega em assistência às mulheres em parto normal.

A doula não realiza partos e não dá assistência como se fosse uma enfermeira, tampouco substituiria o pai da criança ou ente querido. Ela é simplesmente um apoio para que a mãe não enfrente a experiência do parto sozinha, mas com uma mulher que a entenda e saiba como dar o conforto e o suporto que precisa naquela situação.

Um parto normal pode demorar muitas horas até o nascimento do bebê. Por isso, é importante ter um bom incentivo.

Trabalho de parto

As massagens feitas pela doula são essenciais para dar alívio à mulher. Durante o trabalho de parto, a doula informa tudo o que está acontecendo para os pais do bebê. Ela, ainda, ajuda a mulher durante as suas contrações guiando-a nas melhores posições em que ela pode ficar.

Como se não bastasse, o pai do bebê, que é outro que precisa de um suporte emocional, também tem o apoio da doula, que o coloca como participante da experiência, aproximando-o da mulher, dando informações para que ele se tranquilize e atuando, até, como uma espécie de “psicóloga”.

Sim, a profissional deseja que o parto seja um momento único, de emoção, felicidade e lembranças maravilhosas. Por isso, não há espaço para o medo e a preocupação dos pais. E é esse cuidado que torna o parto natural mais saudável com a assistência de uma doula.

Pré e pós-parto

A assistência da doula não começa apenas no momento do trabalho de parto. Ela desenvolve uma ligação estreita com a gestante antes do grande dia. Nos encontros, ela se apresenta para a gestante, conta como é feito o trabalho, as etapas do trabalho de parto para que a futura mamãe saiba tudo o que vai acontecer e esteja mais tranquila e bem informada.

Depois da chegada do mais novo integrante da família ao mundo, a doula ainda ajuda a nova mãe tirando suas dúvidas sobre essa nova fase da vida e seu relacionamento com o bebê. Ela fala sobre amamentação e dá as melhores indicações, sempre primando pela humanização e pelo contato próximo da mãe e do bebê em todos os momentos.

 

Você já conheceu a doula que irá ajudá-la durante o seu parto normal? O que acha desse trabalho humanizado?

Aqui você encontra mais informações sobre parto normal!

Comente com o Facebook

comentários