Vamos lá! Quarto mês da gravidez chegou! Para minha alegria os enjôos passaram e isso faz uma diferença enorme no meu humor!

Mas se o enjôo passou isso quer dizer que eu poderia comer tudo que não comi nos primeiros meses. Exato! Baita problema!

Supresa!

Fui na consulta toda feliz, e para minha surpresa, PÁ, a médica diz que engordei de mais em 1 único mês… Sim engordei de mais em pouco tempo, se tivesse engordado um pouco todos os meses era uma coisa, mas não, engordei nada nos primeiros meses e engordei 1k e meio em apenas um mês, sendo que o bebê pesa pouquissímas gramas nessa fase.

Pode parecer que 1k e meio não é muito, mas eu sou pequena, magra e baixinha, então qualquer kilo a mais você vai notar, e na gravidez anterior eu engordei 9 k e no último mês eu engordei 5, estava indo bem e no final o desastre! Demorei muuuuuito tempo para conseguir emagrecer depois do parto. E eu não gostaria de repetir o processo dessa vez de novo.

A minha surpresa foi começar engordando, se já vou começar engordando, imagina no final da gravidez… sim sim sim, mulher e suas neuroses.

E agora?

Pronto, agora tenho que cortar o pão, doces, sucos, não misturar carboidratos, fazer lanchinhos ao invés de comer muito em uma única refeição. Bora se cuidar!

E pra piorar…

Outra coisa que aconteceu nesse quarto mês de gestação foi a chegada dos palpiteiros de plantão! Se você engorda de mais as pessoas de chamam de gorda, se engorda de menos as pessoas te chamam anorexa. Tive que me estressar com algumas pessoas nesse mês, vão cuidar da própria vida ao invés de ficar se metendo na minha né?

Ouvi vários absurdos… que eu estava muito magra (sendo que engordei 1kilo e meio em apenas 1 mês), que deveria estar doente, até com depressão…??? HELLOOO, sério mesmo????? As pessoas não conseguem simplesmente manter a boca fechada?

E todo esse drama por acharem que eu estava magra de mais para o meu estado atual = grávida.

Cada um na sua, saca?

Gente, pelo amor de Deus… eu tive pneumonia, depois disso ainda peguei mais dois resfriados, dor de garganta, fiquei quase sem voz… o inverno aqui foi bem cruel esse ano, e ok, peguei gripe. Só isso gente! Fui no médico quando necessário, na pneumonia fiquei internada no hospital, tomei remédios, todos os paranauês necessários… Tenho marido, uma filha de 3 anos, estou esperando a próxima chegar e tenho um gato. Tenho quem me cuide e com certeza me cuido para poder cuidar direito da minha família amada.

Então né…me poupem de comentários idiotas sobre a minha vida.