Férias com as crianças em casa, o que fazer? Confira as dicas!

- Advertisement -

As aulas acabaram e viajar de férias com as crianças não faz parte dos planos da família? Calma, você não precisa ficar chateado! 

A conselheira maternal, Monica Romeiro conta que existem muitas formas de aproveitar as férias em casa ou mesmo num apartamento sem muito espaço. A criadora do maior canal sobre maternidade do Youtube Brasil, o Almanaque dos Pais, deixará algumas dicas para que todos aproveitem este período.

“ O primeiro passo é entender que nem todas as férias escolares precisam de uma viagem, seja por conta da pandemia, por causa da grana que está curta ou mesmo porque os adultos não conseguiram pegar aqueles dias de folga”, explica a conselheira materna que também ressalta a importância das férias.  “ É fundamental entender que férias escolares são importantes para as crianças, não só pela sensação de descanso, mas também pela saúde emocional dos pequenos e para aumentar o vínculo com a família. Porém, mesmo sendo um período de descanso, as crianças também se desenvolvem e podem aprender novas habilidades”, explica.

Um pouco de criatividade e seguindo as dicas passadas pela youtuber, os próximos dias podem ser muito divertidos e inesquecíveis.

1. TENHA UMA ROTINA

Férias em casa não precisam ser sinônimo de desordem. Manter horários para acordar, dormir, tomar banho e das refeições ajuda a manter um ritmo mais organizado para todos e gera menos ansiedade para os adultos e crianças, afinal já saberemos identificar com facilidade os momentos que em fome e cansaço causarão alterações no humor e agir antes.

2. NOITE DO PIJAMA

Quer coisa mais gostosa do que colocar o pijama e ficar todo mundo junto dançando, lanchando, jogando ou contando histórias? São momentos preciosos para nós e inesquecíveis para nossos pequenos.

E ela ainda pode ficar melhor! Nesta noite especial, que tal colocar os colchões das crianças no seu quarto e todo mundo dormir junto? Um pouco de bagunça não será nada mal.

3. CINEMINHA EM CASA

Nem precisa ser lançamento, um filme escolhido com as crianças, a sala com as luzes apagadas, balde de pipoca e uma bebida refrescante, junta todo mundo no sofá e pronto, o cineminha em casa está montado!

Aqui em casa adoramos tanto este momento que nossas sextas a noite são sempre assim, noites de cineminha com a família.

4. ACAMPAMENTO EM CASA

Quem disse que precisamos estar ao ar livre para um acampamento divertido? E se você não tem barracas, lencóis e algumas cadeiras, sofás e mesas fazem milagres! Basta amarrar com elásticos pronto, um cômodo da casa foi transformado em um novo lugar, cheio de imaginação!

Para deixar ainda melhor, forre a barraca com almofadas fofinhas, pelúcias e não se esqueça das lanternas! Aproveite para contar histórias engraçadas e brincar de fazer sombras com as mãos utilizando as lanternas. Será que alguém consegue fazer um coelhinho?


Aproveite e confira:


5. CAÇA AO TESOURO

Tem um chocolate aí? Que tal ele se transformar no tesouro do pirata Barba Azul? Esconda o chocolate e comece a escrever as pistas, cada uma levando para um lugar diferente com uma nova pista.

Para os pequeninos, escreva pistas mais simples e você mesmo pode ler. Para os maiores, pistas com charadas e mais escondidinhas serão mais divertidas. Você pode esconder as pistas no guarda-roupa, no box do banheiro, na pia da cozinha, embaixo da almofada do sofá e até embaixo da mesa. As crianças amam, e nós também.

6. PIQUENIQUE

O lanchinho da tarde fica muito mais divertido quando estamos fazendo um piquenique! E nem precisa ser na praça ou no quintal, pode ser na varanda, no chão da sala ou mesmo da cozinha. Só não pode faltar uma toalha no chão, comidinhas gostosas e uma guloseima para o final.

Quando o piquenique acontece dentro de casa, deixe a imaginação transformar o armário em árvore, o quadro em sol, o porta retrato em flores e o piso em grama. Não precisa gastar 1 centavo para sua sala se transformar em uma praia ou num lindo campo, vocês só precisam imaginar.

7. GUERRA DE ÁGUA

Está calor? Tem uma varanda, quintal ou garagem que podem ser molhados? Hora de refrescar com água! Encha bexigas com água, brinque com magueiras, encha bacias – quando eu era criança eu amava brincar dentro das bacias da minha mãe – , faça barquinhos de papel, separe os brinquedos que podem ser molhados e boa diversão.

8. DIA DA FAXINA

Que tal envolver as crianças e transformar a faxina em brincadeira? É uma ótima oportunidade para ensina-los a arrumar a cama, varrer o chão, passar pano, arrumarem a mesa e até lavar a louça.

Você pode colocar uma música para animar e quem sabe brincar até de dança da vassoura? Depois da faxina vocês podem receber um prêmio por terem deixado a casa limpa, organizada e cheirosa: um filminho no sofá ou até uma fatia de bolo. Por falar em bolo, lá vem mais uma dica!

9. COZINHEM JUNTOS

Que tal prepararem um delicioso bolo juntos? Também pode ser gelatina, prepararem um sanduíche, uma macarronada de domingo ou cookies. É uma delícia cozinhar com as crianças e uma excelente forma de estimular a experimentar novos alimentos, afinal ao serem envolvidos no preparo, eles descobrem mais cheiros, texturas e cores dos alimentos crus, cozidos, sozinhos ou misturados, o que gera mais curiosidade sobre os sabores e o quanto eles podem ficar diferentes em cada preparo.

10. SESSÃO DE FOTOS

Que tal transformar em brincadeira uma das melhores recordações desta fase das crianças? Prepare uma sessão de fotos divertida com vários figurinos, incluindo roupas fofas, fantasias e combinações malucas?

Quer incrementar? Capriche no cenário! Pode ser um lençol branco de fundo e varie os objetos: uma cadeira, vaso, almofadas, brinquedos… E não se esqueça dos acessórios: chapéus, colares, óculos de sol e de piscina, bóias, brinquedos e rolo de macarrão!

Para finalizar, Monica aconselha os adultos a resgatarem brincadeiras da infância.  “ As crianças adoram descobrir como eram nossas brincadeiras na época em que as telas não estavam em nossas mãos,  mesmo para os pais que não conseguiram tirar férias, é importante separarem um tempinho do dia para se conectar com as crianças e propor algumas atividades”.

Amarelinha, pular corda, brincadeira do elástico, garrafão, taco, queimada, batata quente, esconde-esconde, rodar pião, bolinha de gude, montar quebra-cabeças, jogos de carta e de tabuleiro e tantas outras brincadeiras que lembram nossas infâncias e nunca saem de moda, que começar?!

Fotos: Divulgação

Gisele Cirolinihttps://www.soumae.org/
34 anos, gaúcha, esposa, mãe de duas meninas, neurótica da rotina (mais relaxada depois da chegada da segunda baby) e fundadora do sou mãe!

Posts relacionados