Como escolher o travesseiro ideal para bebês e crianças

Dicas para escolher o travesseiro certo para seus filhos

A hora de dormir deve ser um momento especial para as crianças, pois é quando elas recarregam as energias para o próximo dia. Por isso é importante ficar em alerta na hora de escolher o travesseiro ideal para bebês e crianças, porque se ele não for o adequado, seu filho pode não ter um sono tranquilo.

Mas daí pode surgir algumas dúvidas: qual o melhor travesseiro para o meu filho? Quando devo fazer a troca do travesseiro?

Separamos algumas dicas importantes para que você fique em alerta na hora de escolher o travesseiro ideal para bebês e crianças.

Qual tamanho de travesseiro é o mais indicado para bebês e crianças?

Até o primeiro ano de vida, a criança não precisa de travesseiro, porque a distância entre o corpo e a cabeça do bebê são bem diferentes do que vemos em crianças, adolescentes e adultos.

Se o seu filho já usa travesseiro nesta fase da vida, saiba que a cabeça dele vai ficar um pouco elevada, e isso pode gerar desconforto e dores na hora de dormir.

Mas se o seu filho tiver algum problema de refluxo, o ideal é adquirir um travesseiro anti-refluxo que suporta a cabeça e o tronco da criança, deixando ela na altura ideal.

Passando os 12 meses de vida, o bebê já começa a dormir de lado, e é neste período que os país devem escolher um travesseiro confortável e que não ofereça riscos.

Nesta fase, o travesseiro deve preencher totalmente o espaço entre a superfície do colchão e a cabeça da criança.

Não leve em consideração apenas a maciez do travesseiro e sim se ele realmente se adapta as necessidades do seu filho e a curvatura do corpinho dele.

Dicas para escolher o travesseiro de bebês e crianças
Qual o travesseiro ideal para crianças e bebês? Imagem: Mil Dicas de Mãe

Quais os tipos de travesseiros para bebês e crianças?

Na hora de comprar o travesseiro, vai encontrar diversos modelos. Por isso, quando for escolher um travesseiro ideal para seu filho, leve em consideração a capacidade de redução de riscos de asfixia, ideal para aquelas crianças que se mexem muito durante o sono.

Neste caso, a dica é comprar os modelos “de memória”, que costumam durar mais tempo, pois sempre voltam à forma original após a aplicação do peso. Eles também se encaixam melhor na cabeça do bebê, garantindo que a coluna fique bem alinhada quando ao deitar de lado.

Se o seu filho apresenta algum tipo de alergia, como problemas respiratórios e etc., opte pelo travesseiro com função antialérgica. Lembre-se: o importante é proporcionar uma noite tranquila ao seu filho.

Momento certo de trocar o travesseiro do seu filho

A maioria das pessoas acaba se acostumando com o seu travesseiro, e dificilmente trocam ele pois tem medo de não conseguir dormir com outro. Mas o travesseiro precisa ser trocado sempre que sua estrutura não estiver da forma correta, principalmente os usados pelas crianças.

Isso porque os pequenos acabam crescendo, e o travesseiro que ele usava quando ainda era bebê não vai servir mais e pode atrapalhar no seu sono, trazendo problemas na coluna e pescoço.

Se você perceber que a cabeça da criança está pendendo muito para baixo quando ela está deitada, já é hora de comprar um novo. Para isso, observe bem o seu filho durante o sono. Caso ele comece a apresentar um comportamento mais agitado ou sinta dores quando estiver deitado, procure o pediatra. Se a criança não apresentar nenhum sintoma de doenças, é bem provável que esse desconforto esteja relacionado ao travesseiro ou ao colchão do seu berço ou cama. Faça as trocas ou manutenções necessárias regularmente e garanta que seu filho tenha sempre um sono perfeito!

Dicas para escolher o travesseiro para os bebês e crianças:

Existem diversos modelos de travesseiros no mercado, e é preciso entender qual deles é o ideal para o seu filho. Afinal, a escolha errada pode gerar prejuízos para a saúde do pequeno, impedindo uma noite de sono com qualidade.

  • Compre travesseiros que não sufoquem a criança

É normal que os pais se preocupem com a segurança das crianças durante a noite, em especial devido ao risco de sufocamento com os próprios itens do berço ou da caminha. Por esse motivo, o ideal é optar por travesseiros que não sufoque as crianças, ou seja, que impedem que esse grave acidente aconteça.

Geralmente, esses travesseiros possuem orifícios em sua estrutura que ajudam a circulação de ar e impedem a asfixia. Eles são indicados a partir dos 6 meses e não prejudicam a coluna cervical da criança.

Confira também: Usar ou não usar o kit berço?

  • Opte por travesseiro confortáveis

Além da segurança, é importante que a criança se sinta confortável. Neste caso, busque travesseiros que possuem apoio para a cabeça, que oferecem mais mobilidade e são facilmente adaptáveis e transportados.

Outra sugestão é optar por peças que não esquentam muito, evitando o incômodo dos pequenos.

  • Fique de olho no tamanho do travesseiro

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, o tamanho e a altura do produto também fazem toda a diferença em uma noite de sono. Para escolher a melhor opção e assegurar uma boa postura, é fundamental analisar se o travesseiro preenche todo o espaço entre a cabeça da criança e o colchão, mantendo as vias respiratórias livres e a coluna alinhada.

Lembre-se de que bebês costumam crescer rápido, então se você perceber que o pescoço dele está começando a ficar um pouco mais inclinado para a parte de baixo, é preciso trocar o modelo por outro mais alto, permitindo que o pescoço, a cabeça e a coluna fiquem alinhados.

  • Compre travesseiros com revestimento

Outro ponto importante que deve ser analisado é o revestimento da peça. Para garantir a saúde das crianças, é preciso escolher um que ofereça proteção contra agentes nocivos.

Uma opção são os travesseiros que possuem a nanotecnologia de íons de prata em seu revestimento. Além de não acumularem ácaros, eles eliminam bactérias e fungos que normalmente se alojam nessas peças.

Viu como é fácil escolher o travesseiro ideal para bebês e crianças! Por isso, compre o modelo ideal para o seu filho, pois assim ele terá uma noite tranquila, um sono saudável e estará pronto para as atividades do dia a dia.

Texto por Raquel Luciano

Quer mais informações sobre universo materno?

Mandamos conteúdos exclusivos sobre educação infantil, chá de bebê, enxoval, e muito mais!

Comente com o Facebook

comentários