Brincar é fundamental para o desenvolvimento do seu bebê. Brincadeiras simples ajudam a desenvolver as habilidades motoras, desenvolvimento cerebral e fala.

Lógico que logo que o bebê nasce ele dorme muito nos primeiros dias e quando ele acorda você está amamentando, trocando fraldas, dando banho, acalmando-o, mas com o passar do tempo seu bebê ficará aos poucos mais acordado, aí começam os momentos para as brincadeiras.

  • Melhor momento para brincar:

Depois de mamar e dormir, assim ele não estará com sono nem com fome. Outra boa oportunidade para brincadeiras é durante a troca de fraldas e durante o banho quando ele já estiver gostando de tomar banho.

  • Dicas para saber se o bebê está gostando da brincadeira ou se já cansou:

Se ele sorrir é porque está gostando, essa foi fácil!

Mas se ele virar a cabeça, resmungar, bocejar, evitar olhar nos seus olhos e parecer estar com menos energia, significa que ele já cansou.

Se ele fizer biquinho os seus lábios começarem a tremer, pode estar assustado e prestes a chorar.

Segue agora algumas brincadeiras para bebês, de 0 a 6 meses, para você fazer com seu bebê:

  • Fazer caretas:

Segure o bebê a 20, 25 cm do seu rosto (distância ideal para que ele tenha foco, já que bebês recém nascidos tem a visão embaçada, depois de 2 meses a visão do bebê será mais clara) e faça caretas, coloque a língua para fora, abra e feche a boca. Faça os movimentos bem devagar e de forma exagerada.

Ajuda que o bebê pratique o controle dos músculos oculares.

  • Sons:

O bebê vai adorar ouvir a sua voz, converse e cante bastante com ele. Não tenha medo de expor seu bebê aos sons do dia a dia, como rádio, aspirador de pó, vozes e outros, em volume normais não tem problema, com som muito alto seu bebê pode se assustar. Cantar para o bebê ou deixar tocando uma música calma, ajuda a acalmar e relaxar o bebê.

Ajuda os bebês a se acostumarem com barulhos. Você cantar a mesma música todos os dias, por exemplo, antes do banho, ele vai se acostumar e associar aquela música com tomar banho. Entre 4 e 6 meses o bebê terá facilidade para localizar o som.

  • Observação:

Se você tiver uma janela com cortinas, ou plantas ou outra coisa interessante, pode colocar seu bebê deitado chão próximo a janela e ele ficará observando o que lhe chamar a atenção. Também pode pendurar algo na janela, com um ursinho de pelúcia, no outro dia coloque outro brinquedo. Tenha certeza que o bebê está numa distância que consiga enxergar algo.

É bom para fortalecer os músculos oculares e os músculos do pescoço, quando ele se move para ver algo.

  • Conversar:

Converse muito, dia para o bebê o que você vai fazer, que vai trocar a fralda, que vai dar banho, secar, colocar a roupinha, fale sobre tudo. Sua voz acalma o bebê. Começará a reconhecer as pessoas pela voz.

Importante para o desenvolvimento da linguagem, lá pelos 9 meses alguns bebês conseguem imitar sons, mas o seu trabalho começa agora.

  • Brincando de bruços:

A partir de duas semanas você já pode colocar o bebê de bruços para brincar. Ele vai tentar levantar a cabeça, que é bom para o desenvolvimento dos músculos, coloque brinquedos coloridos perto dele. No começo o bebê fica pouco tempo nessa posição, mas se acostuma com o passar do tempo. Deite-se junto com seu bebê no chão! Quando o começar a alcançar os brinquedos, por volta de 8 semanas, escolha brinquedos que façam barulho como chocalhos.

Essa posição fortalece os músculos do pescoço, do tronco e da parte superior das costas. Também fortalece os músculos abdominais, ombros e costas. Reduz a síndrome da cabeça achatada, como agora os bebês são aconselhados a dormirem de barriga para cima, acontece muito do crânio se achatar, mas é apenas estético. E também alivia gases e cólica.

  • Observar as tarefas do dia:

Coloque o bebê naquelas cadeirinhas, onde eles ficam meio inclinados e deixe-o observar nas suas tarefas diárias, sempre que você entrar e sair do local onde ele está diga “oi” e “tchau” para ele ir se acostumando a não ter você o tempo todo no campo de visão dele e que você vai mas volta.

Ajuda a desenvolver a musculatura ocular, promove a compreensão de mundo pois vê você fazendo coisas, limpando, cozinhando, ouve os barulhos. Essas cadeirinhas são boas para bebês que tem refluxo, que não podem ficar totalmente deitados.

  • Móbiles:

Ótima opção para você colocar no berço ou no carrinho, você pode comprar ou você mesma pode fazer. Para os primeiros dias da baby eu mesma fiz um móbile de papel de scrap, preto e branco, apenas formas geométricas, bem simples, mas ela adorava ficar olhando. Se você tiver mais dinheiro para gastar, prefira um móbile que gire e toque música. Lembrando que deve ficar em torno de 25cm de distância do rosto do seu bebê, para que ele consiga enxergar bem e não consiga pegar.

Estimula o desenvolvimento cerebral, ter coisas para observar ajuda a fortalecer os circuitos neurológicos na região do cérebro que controla o pensamento. Fortalece o músculo do pescoço quando ele se movimenta e fortalece também os músculos oculares.

  • Toque:

Use diferentes tecidos como cetim, veludo, algodão, lã, pele e couro sintético, passe as mãos do bebê sobre os tecidos, ajude-o a segurar, passe pela bochecha do bebê. Você pode comprar retalhos, não precisa ser tecidos grandes.

Estimula a parte do cérebro que controla o tato, paladar, reconhecer objetos. Ao brincar com diferentes tecidos ele aprenderá a entender as diferenças de texturas e objetos, como liso, macio, áspero, duro etc… Melhorará a coordenação entre olhos e mãos do bebê.

Sobre texturas, além de tecidos, você também pode dar livrinhos que vem com partes de pelúcias, livros de capa dura com ilustrações texturizadas.

  • Banho:

Estimule-o a bater na água com as mãos, você também pode brincar de espirrar água nele, gentilmente.

Gera confiança na água, brincando ele se acostuma com a água, se acostuma com água no rosto e não vai ter problemas quando tiver que lavar os cabelos. Seu bebê passará a gostar e brincará mais dentro água, isso também ajuda no desenvolvimento sensorial.

Resumindo:

Por isso, ache tempo para brincar com seus filhos! Mas lembre-se que bebês se desenvolvem em ritmos diferentes.

Por hoje são essas brincadeiras para bebê que separei para vocês fazerem com seus bebês, em breve tem mais!

Gostaram das dicas de hoje? Para mais dicas sobre educação infantil acesse: