Desenvolvimento do bebê: 2 meses

IMAGEM: Pixabay/PublicDomainPictures

Seu bebê está chegando ao segundo mês de vida? Acompanhe o que está prestes a acontecer para entender um pouco mais o desenvolvimento do bebê.

Com dois meses, o bebê começa a conseguir manter a cabeça erguida e até virá-la para os lados. Sabe aqueles movimentos involuntários e bruscos, mexendo pezinhos e mãozinhas, comuns dos bebês pequenos? Isso começa a acabar. No segundo mês, ele começa a ter mais consciência e controle corporal.

E as expressões felizes e sorrisos largos, dessa vez, são propositais, uma reação aos estímulos que a família faz. Ele responde com satisfação, além do sorriso, com o balançar de pernas e mãos, mostrando excitação.

Agora seu bebê deseja objetos com cores, desenhos, estampas, formatos variados e não se contenta apenas em vez, ele já quer segurar seus brinquedos. Mas não consegue ainda ter firmeza nas mãozinhas.

O bebê ainda mama várias vezes por dia, mas a frequência já reduziu um pouco. Porém algumas mamadas noturnas ainda são bastante comuns.

O sono é de melhor qualidade do que no primeiro mês, porque o bebê acorda menos vezes agora, e ele consegue se manter desperto por um período mais considerável de horas, até 9 ou 10 horas.

Nessa fase, as cólicas podem começar, sendo mais frequentes nos bebês que tomam mamadeira, mas podendo acontecer também com bebês com amamentação exclusiva. O leite materno ainda é essencial nessa fase. A menos que você tenha alguma limitação, saiba que nada substitui e oferece mais nutrientes e saúde ao seu filho do que o seu leite, que dá imunidade, deixa o seu bebê mais forte e livre de doenças. O leite materno é muito importante para o desenvolvimento do bebê.

O seu filho já reconhece a sua voz e tenta te procurar. Te segue com os olhos, acompanha os movimentos.

Falando em voz e sons, seu bebê começa a entender que pode se comunicar através do choro e cada necessidade dele é expressada com um som particular, que a mãe aos poucos consegue entender e atender ao chamado do pequeno. Pode ser sono, fome, cólica, desconforto da fraldinha suja. Vai ser a forma de comunicação com você. Mas ele tenta ir além e fazer outros sons, que você ainda não compreende, mas ele já está no caminho da sua comunicação, que virá mais tarde.

Continue o trabalho de estímulo do bebê, converse com ele, faça massagem, brinque com ele, cante e estimule seus sentidos. Você vai colaborar para o seu aprendizado. Mas tenha em mente que cada criança tem um tempo para se desenvolver. Pode ser que ele aprenda mais rápido ou mais devagar do que o filho do vizinho, o que pode ser perfeitamente normal.

A menos que você perceba algum atraso muito alarmante, não é razão para questionar o pediatra. Porém o profissional pode te auxiliar e dar outras dicas para ajudar nesse processo de desenvolvimento do bebê.

Como seu bebê já está ficando mais espertinho e acompanhando os movimentos e sons, ele vai aproveitar bastante caminhar com você. Leve-o no carrinho para uma voltinha nos horários em que o sol está mais fraco e sempre deixe o carrinho com proteção contra o excesso de sol e luz. Os olhinhos do bebê são muito delicados.

As dicas foram úteis para você? Espero que tenham servido para você entender um pouquinho mais o seu filho e como funciona o desenvolvimento do bebê no seu segundo mês de vida.

Está buscando dicas de segurança para o bebê durante o sono? Confira este post.

Comente com o Facebook

comentários