Vou começar com exemplos de coisas bem simples:

Chutar uma bola, pode ser feito em qualquer lugar, precisa apenas de uma bola. Essa brincadeira ajuda a controlar os movimentos do corpo, a coordenação motora dos membros inferiores.

Crianças de 0 a 3 anos absorvem tudo, tudo o que acontece, como se fossem uma esponja, por isso sempre gosto de lembrar que somos exemplos para as crianças, exemplos no agir e no falar.

Para estimular crianças a gente não precisa dar muitos brinquedos, podemos criar brincadeiras para fazer com eles.

Brincar ajuda a criança a descobrir o mundo a sua volta, ajuda ela a expressar seus sentimentos, expressar o que está acontecendo em casa ou na escola, temos que aprender também a observar os nossos filhos.

Sobre estimulação, temos que estimular todos os sentidos:

  • tato
  • paladar
  • olfato
  • audição
  • visão

O sentidos básicos que a gente sempre conheceu, mas existem mais dois sentidos que também devemos estimular nas crianças.

  • Vestibular: chamado de sentido de orientação ou de equilíbrio, ele fornece informações sobre o movimento e a orientação da cabeça e do corpo em relação à Terra.
  • Proprioceptivo: capacidade em reconhecer a localização espacial do corpo, sua posição e orientação.

Temos que pensar em qual desses sentidos nós queremos estimular na hora da brincadeira, quanto mais sentidos melhor.

Separei agora algumas dicas de brincadeiras separas por idades:

0 a 3 meses

  • conversar, dar nome aos objetos, explicar o que está acontecendo, narrar o dia.
  • cantar, os bebês se acalmam ao ouvir a voz da mãe, por isso é importante conversar, cantar e ler para seu bebê desde a barriga.
  • móbile de cores variadas. Preto, vermelho e branco são as cores que os bebês percebem bem nesse começo de vida, você mesma pode fazer um móbile com papel de scrapbook nessas cores.
  • um ótimo brinquedo nessa fase são chocalhos.
  • nessa fase o bebê se interessa mais por pessoas do que por coisas, então não precisa encher ele de brinquedos.
  • brincar de Cadê? Achou! Os bebês adoram, esconda seus rosto ou o do bebê com um pano e depois tire dizendo Achou!
  • lembre-se que bebês enxergam objetos que estejam a aproximadamente uns 30 cm de distância, varie o lado que você coloca o brinquedo para o bebê querer virar em direção ao brinquedo.
  • colocar o bebê de barriga para baixo é importante para a próxima fase que é a de engatinhar.
  • colocar brinquedos próximo ao bebê, espelho de acrílico (bebês adoram espelhos), se tiver mais bebês da mesma faixa etária, fazer uma rodinha com bebês, eles vão adorar ficar se olhando.
  • massagem shantala, não esqueça de também massagear e brincar com os dedinhos da mão e do pé.
  • hoje existem alguns sapatinhos musicais para bebês, umas meias para mãos e pés que fazem barulinho, você mesma pode fazer costurando um sininho na ponta de uma meia ou de uma luvinha.
  • cantar quando estiver brincando ou antes de fazer alguma atividade, ajuda na memória, ele vai associar a música a ação que vem a seguir.

3 a 6 meses

  • brincar de aviãozinho, com ele sobre seus joelhos, é bom para a coluna e equilíbrio.
  • colocar o bebê no chão de bruços e os brinquedos mais distantes para ele querer ir buscar.
  • os bebês colocam tudo na boca, se preocupe com a higiene e segurança, mas deixe ele experimentar as coisas.
  • coloque os brinquedos do outro lado do bebê, para incentivar que ele role para pegar.
  • você pode usar a almofada de amamentação dentro de uma bacia c/ brinquedos e colocar o bebê sentadinho ali dentro apoiado na almofada.
  • quando ele estiver mais firme não precisa usar a bacia, pode colocar ele sentado encostado na almofada no chão.
  • bebês adoram brincar com espelho, use os de acrílico.
  • bebês também adoram brincar com água, água em temperaturas diferentes, você pode usar a bolsa de água quente, gelo, água morda…
  • no banho cante sobre as partes do corpo.
  • brinquedos luminosos como lanterna, você pode colocar um papel celofane colorido em cima da lanterna para ver cores diferentes.
  • passear! sair de casa, ir para o parque, clube, brincar na terra, chão, concreto, grama, deixar ele conhecer lugares diferentes.

6 a 9 meses

  • agora que o bebê já faz mais coisas e pode estar se arrastando ou engatinhando você pode fazer um túnel pequeno, com caixa de papelão ou com tecido, como lençol, vá para o outro lado do túnel e chame seu filho para incentivar ele a passar pelo túnel.
  • sempre usar o reforço positivo, como “você conseguiu”, “parabéns”.
  • use suas pernas como obstáculos para o bebê passar por cima para pegar um brinquedo.
  • pode brincar no escorregador do parque (lógico que com a sua ajuda ainda).
  • andar sem engatinhar não é muito bom, engatinhar fortalece a musculatura da criança para depois andar, então não tenha pressa para ela andar.
  • sobre o jump, ele é para crianças maiores que já engatinham, se não ela não vai querer engatinhar.
  • não pule etapas, deixe a criança seguir seu ritmo de desenvolvimento, mas ajude em cada etapa.
  • no banho você pode continuar cantando e conversando, use buchas e esponjas, para a crianças brincar com texturas diferentes.
  • com o bebê mais firme dance com ele, bebês adoram música e dança.
  • brinque com papel, papel faz barulho, tem movimento, use papel celofane, alumínio e outros papéis diferentes.
  • brinquedos de encaixar são ótimos nessa fase.

10 a 12 meses

  • agora o bebê já deve estar engatinhando e ficando de pé, aproveite os espaços abertos para a criança ter contato com a natureza e com outras crianças.
  • nos parques a criança vai reconhecer sons, como o som dos bichos, carro, folhas, água…
  • pode dar giz de cera para a criança começar a fazer seus rabiscos, ter contato com cores, para estimulação visual e coordenação motora.
  • empilhar e derrubar blocos eles adoram.
  • ainda no banho continue cantando ou conversando sobre as partes do corpo.
  • deixe a criança comer com as próprias mãos para conhecer a textura de cada alimento.

1 a 2 anos

  • brinque de fazer cabana com lençol na sua casa, pode usar a mesa de jantar para isso.
  • ler histórias dentro da cabana.
  • pergunte sobre o dia dela.
  • brincar com balão.
  • bolar de vários tamanho diferentes.
  • jogar boliche, incentivar a jogar a bola com a mão e a chutar.
  • caminhar ao ar livre descalça.
  • mostrar gravuras de animais e fazer o som deles.
  • animais são o tema preferido nessa fase.
  • cante músicas que falem de animais.
  • espere a criança responder quando você fizer alguma pergunta.
  • deixar que ela faça algumas coisas sozinha, como passar a esponja na hora do banho, colocar o sabão na esponja.
  • deixar ela colocar o sapato sozinha, colocar a roupa e etc..
  • brincar com massinha de modelar.
  • fazer bolhas de sabão.
  • desenhar na lousa.
  • brinquedos de encaixar.
  • brincar com vários tipos de brinquedos, de tamanho e texturas diferentes.
  • muita música, música para o banho, música para guardar os brinquedos, música para a hora do lanche…
  • deixe a criança explorar diversos instrumentos musicais e sons e ritmos diferentes.

2 a 3 anos

  • fase que a criança está com muita energia, mas também fica mais temperamental e pode ter os famosos ataques de birras.
  • atividades: pular, brincar com corda, bola, balanço, balões, dançar…
  • jogo de imitação, como o macaco mandou…
  • perguntar qual a cor da roupa, onde guardar a roupa…
  • a imaginação está a mil, conte e leia histórias.
  • deixe a criança soltar a imaginação.
  • compreende números pequenos e pode agrupar os brinquedos por cor ou números.

Agora dicas para os pais:

  • aproveite muito o momento com o seu bebê, o tempo passa rápido e eles crescem.
  • sejam pais presentes, saiba o que ele gosta e o que não gosta, conheça seu filho.
  • brinque com coisas simples.
  • valorize o que ele consegue fazer, quando não conseguir, ajude-o a entender que ele pode conseguir!
  • criança não precisa de dinheiro e não precisa que você a encha de brinquedos, ela só precisa de você ao seu lado.

Gostaram das dicas de como estimular seu bebê? Para mais dicas sobre educação infantil para bebês de 0 – 3 anos acesse: