Kit berço: garantia ou não de segurança?

Sabe aquele kit berço super lindo que aparece em berços igualmente lindos de quartos ainda mais lindos em fotos de revista? Então, nem sempre o lindo é o mais confiável.

Em se tratando de acessórios para o quarto de bebê, as mães tendem a pesquisar sempre itens que vão combinar com o tema, cores, estilo do quartinho e nunca, jamais podem se descuidar da segurança.

Por esse motivo e por sabermos que a escolha do kit berço envolve cuidados e é motivo de muita polêmica, apreensão e desconhecimento de algumas mães, trazemos algumas informações para que seu bebê tenha noites de sono tranquilas e mais seguras.

O que é o kit berço?

O kit berço, também chamado por algumas pessoas de protetor de berço, é composto por proteções feitas em espuma para serem colocadas nas laterais do berço e acompanha, ainda, fronhas e lençóis.

kit-berço

Comprar ou não o kit berço?

  • O kit berço, na verdade, os acessórios almofadados, não é assegurado pelo Departamento de Segurança da Sociedade Brasileira de Pediatria, que diz que, dentre as principais recomendações de segurança para os berços está “não deixar nenhum objeto solto no berço (travesseiro, almofada, protetores, brinquedos de pelúcia, etc). Eles podem causar risco de sufocação, asfixia e estrangulamento”.
  • Acolchoado, o kit berço pode amortecer movimentos bruscos de bebês maiores, já que os pequenos dificilmente terão risco de bater fortemente com a cabeça no berço.
  • O kit berço, devido ao seu grande volume na lateral do berço, pode funcionar como uma “escadinha” e permitir que o bebê suba nela e possa cair da caminham pulando a grade de proteção.
  • Além disso, por serem feitos, muitas vezes, decorados com bordados, fitas, botões ou fuxicos, alguns materiais podem ser engolidos pelo bebê.
  • Se optar por não usar o kit berço, há protetores disponíveis no mercado que são telas de proteção para as grades. São como redes que servem para que o bebê não corra o risco de prender seus pezinhos, por exemplo, e evitam o sufocamento.

kit-berço-2Nossa intenção é de levar informação e esclarecimentos às mamães, que devem decidir sozinhas, a partir do conteúdo, por utilizar ou não o kit berço.

Caso opte por comprar um kit berço para o berço do seu bebê, certifique-se do material do qual ele é revertido. Dê preferência sempre para materiais que não vão dar alergia ao bebê, que tem uma pele tão delicada. E a dica preciosa vale não apenas para o kit berço, mas para todos os outros itens do quarto de bebê, do urso de pelúcia, passando pelo cobertor e até o tapete.

Para ter mais praticidade também, escolha o kit berço que seja lavável, ou seja, que seja possível retirar a capa de proteção da espuma para ser lavada. Assim, evitará também a poeira, que se acumula nos tecidos e demais produtos utilizados pelo bebê.

As dicas foram úteis para você? Conseguiu fazer sua escolha, se vai comprar ou não um kit berço para o seu bebê? Já utilizou o protetor e gostaria de compartilhar sua experiência? Conte para nós o que achou.

Para mais dicas para quarto de bebê, clique aqui. Temos ideias fantásticas de enfeites para quarto de bebê!

Quer mais informações sobre universo materno?

Mandamos conteúdos exclusivos sobre educação infantil, chá de bebê, enxoval, e muito mais!

Comente com o Facebook

comentários